Educação inclusiva e sua trajetória nas políticas públicas / Inclusive education and its trajectory in public policies

Luciana M. Tabosa Lima, Luciana L. Souza, Jucileide C. P. Lima, Margarete M. G. Tabosa Oliveira, Celene Silva Azevedo, Diógenes José Gusmão Coutinho

Abstract


O presente artigo tem por objetivo identificar as contribuições das políticas públicas para a educação inclusiva. Pretende-se resgatar teoricamente o debate sobre políticas públicas, bem como analisar os principais documentos normativos sobre a educação inclusiva, pois é fundamental conhecer os direitos dos alunos com necessidades especiais. A realização desta pesquisa na área de educação inclusiva é de suma importância, pois, os profissionais da educação frente aos desafios da contemporaneidade necessitam estar atentos ao que as leis destacam para subsidiar o acesso e permanência à educação dos alunos com deficiência e assim compreender o papel da escola e também do professor no processo de ensino e garantia de direitos a todos. Destaca-se que a questão dos direitos é desconhecida, negada ou esquecida por parte dos profissionais da educação. Este artigo, apoia-se nos pressupostos teóricos de Carvalho (2010); Dagnino (2002); Gouveia (2011); Hofling (2001); Martins (2008); Muller e Surel (2002); Pires (2008); Oliveira (2007); Souza (2007) entre outros autores e documentos, para assim, se ampliar as possibilidades desta investigação. Este estudo apresenta referenciais metodológicos de uma abordagem qualitativa, porque possibilita a reflexão e análise realidade para então compreender o objeto de estudo. Nas Considerações finais, destaca-se que por anos, foi negado o direito dos alunos com deficiência, mas registra-se na contemporaneidade um destaque significativo com relação às políticas públicas de educação inclusiva, confirmando-se assim a garantia da inclusão nos mais diversificados espaços da sociedade como direito de todos, respaldado pelo conhecimento das Leis e a solicitação de suas práticas. 

 

 


Keywords


Educação Inclusiva. Deficiência. Políticas Públicas.

References


ALMEIDA, Denielle Novais. GUIMARÃES, Rebecca Oliveira. Compreendendo o funcionamento das salas de atendimento educacional especializado: dos trilhos as trilhas. Aracaju, 2012. Disponível em: https://docs.google.com/file/d/0BwC3emUpU3pBMGNITTJrZ2N6NW8/edit

BRASIL. Avanços das Políticas Públicas para a Pessoa com Deficiência. Uma análise a partir das Conferências Nacionais. 2012.

________. DECRETO Nº 6.949, DE 25 DE AGOSTO DE 2009. / Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/decreto/d6949.htm

________. Estatuto da Criança e do Adolescente Lei n. 8.069, de 13 de julho de 1990. Brasília: Secretária de Estado dos Direitos Humanos, Departamento da Criança e do Adolescente 2004.

________. Senado Federal. Declaração de Salamanca e Linha de Ação Sobre Necessidades Educativas Especiais. Brasília, CORDE, 1994.

________. Senado Federal. Constituição Federal de 1988.

________. Senado Federal. Lei nº 7.853. 1989.

________. Senado Federal. Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos. 2007.

________. Senado Federal. Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. 2008.

CARVALHO, Rosita Edler. A Nova LDB e a Educação Especial. RJ: WVA, 1997.

________. Educação Inclusiva: com os pingos nos “is”. Porto Alegre: Mediação, 2010.

GIL, Antônio Carlos (1946). Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. - São Paulo: Atlas, 2002

GUIMARÃES, Telma Regina da Costa – [et al] organizadores. IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICA PÚBLICA: UMA ABORDAGEM TEÓRICA E CRÍTICA. Dezembro de 2010.

MANTOAN, Teresa Eglér. Inclusão escolar: o que é? porquê? Como fazer? /São Paulo: Moderna, 2003.

MARTINS, Lúcia de Araújo Ramos - [et al] organizadores. Inclusão: Compartilhando Saberes. 3. Ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2008.

MINAYO, Maria Cecília de Souza (org.). Pesquisa Social. Teoria, método e criatividade. 18 ed. Petrópolis: Vozes, 2001.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2010.IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 2010 e 2014.

MITTLER, Peter; Educação Inclusiva contextos sociais/ tradução Windyz Brazão Ferreira- Porto Alegre; Artmed, 2003.

OLIVEIRA, Eunice Maria da Silva. O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO REALIZADO EM SALA DE RECURSOS EM UMA ESCOLA DA REDE PÚBLICA DO DF. Brasília, 2011.

OLIVEIRA, Maria Marly de. Como fazer pesquisa qualitativa. Petrópolis, RJ: Vozes, 2007.

PIRES, Gláucia Nascimento da Luz. O cotidiano escolar na escola inclusiva. In: Martins, Lúcia Ramos – [et al] orgs – 3 ed. INCLUSÃO: Compartilhando Saberes. Petrópolis, RJ: vozes, 2008 a.

PIRES, José. A questão ética frente às diferenças: uma perspectiva da pessoa com valor. In: Martins, Lúcia Ramos – [et al] orgs – 3 ed. INCLUSÃO: Compartilhando Saberes. Petrópolis, RJ: vozes, 2008 b.

SASSAKI, Romeu Kasumi. Inclusão/ Construindo uma sociedade para todos. RJ: WVA, 1997.

SOUZA, Celina. Políticas Públicas: uma revisão da literatura1. Sociologias, Porto Alegre, ano 8, nº 16, jul/dez 2006, p. 20-45. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/soc/n16/a03n16




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-415

Refbacks

  • There are currently no refbacks.