Análise de capacidade produtiva: Estudo de caso em um setor de licitação de uma Instituição Pública de Ensino Superior / Production Capacity Analysis: Case Study In a bidding sector of a Public Higher Education Institution

Armando Araújo de Souza Júnior, Odeniltom Barroso Bruce, Sandro Breval Santiago, Stanley Soares de Souza, Tiago Luz de Oliveira

Abstract


As práticas da iniciativa privada cada vez mais estão sendo adotadas na Administração Pública, e um dos conceitos abordados neste trabalho, vindo da ciência engenharia da produção e operações, é a avaliação da produtividade no âmbito administrativo. O presente estudo analisou a capacidade produtiva de um setor de licitação de uma Instituição Federal de Ensino Superior. Esta pesquisa é de natureza aplicada, descritiva e exploratória, com uma abordagem quantitativa, e quanto ao procedimento pode ser tratada como um estudo de caso. Para sua realização, utilizou-se um plano amostral de três pregões eletrônicos de aquisição de material de consumo / permanente contendo em média 53 itens cada, realizados no ano de 2018, escolhidos de forma conveniente e aleatória. Para a coleta dos dados foi realizada a pesquisa in loco, onde se obteve informações sobre o processo analisado, e demais informações complementares deram-se por meio de entrevistas com os servidores. Foi identificada a capacidade produtiva instalada, disponível, efetiva e realizada no setor pesquisado, a saber, respectivamente, 172, 108, 99 e 44, tais resultados são de grande importância por contribuir para a gestão pública, principalmente considerando os avanços da Administração Gerencial no Brasil.


Keywords


Administração gerencial, licitações, capacidade produtiva.

References


ALI, A. J.; ISLAM, M. A.; HOWE, L. P. A study of sustainability of continuous improvement in the manufacturing industries in Malaysia: organizational self-assessment as a mediator. Management of Environmental Quality: An International Journal, Malaysia, v. 24, n. 3, p. 408-426, 2013. Disponível em: https://www.emerald.com/insight/content/doi/10.1108/14777831311322695/full/html. Acesso em: 31 de jul. de 2019.

BESSANT, J.; CAFFYN, S.; GILBERT, J.; HARDING, R.; WEBB, S. Rediscovering continuous improvement. Technovation, Reino Unido, v. 14, n. 1, p. 17 -29, 1994. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/0166497294900671. Acesso em: 30 de jul. 2019.

BRASIL, Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais. Brasília, DF: Presidência da República, [1991]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L8112cons.htm. Acesso em: 26 de jul. de 2019.

BRASIL. Presidência da República. Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado. Brasília: Presidência da República, nov. de 1995. Disponível em: http://www.bresserpereira.org.br/Documents/MARE/PlanoDiretor/planodiretor.pdf. Acesso em 10 de ago. de 2019.

CHASE, B. R.; JACOBS, F. R.; AQUILANO, N. T. Administração da produção. 10. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

CORREA, H. L.; GIANESI, I. G. N.; CAON, M. Planejamento, programação e controle da produção: MRP II / ERP: conceitos, uso e implantação: base para SAP, Oracle applications e outros softwares integrados de gestão. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2019.

CORREA, H. L; CORREA, C. A. Administração da produção e operações: manufatura e serviços: uma abordagem estratégica. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

DAVIS, M.; AQUILANO, N. J.; CHASE, R. B. Fundamentos da Administração da Produção. 3. Ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2018.

GOLDRATT, E. M.; COX, J. A meta: Um processo de melhoria contínua. Tradução Thomas Corbett. 3. Ed. São Paulo: Nobel, 2014.

JACA, C.; VILES, E.; MATEO, R.; & SANTOS, J. Components of sustainable improvement systems: theory and practice. The TQM Journal, Espanha, v. 24, n. 2, p. 142-154, 2012. Disponível em https://www.emerald.com/insight/content/doi/10.1108/17542731211215080/full/html. Acesso em: 10 de ago. de 2019.

JACOBS, F. R.; CHASE, R. B. Administração da produção e de operações: o essencial. Tradução Tereza Cristina Felix de Souza. Porto Alegre: Bookman, 2009.

MAXIMIANO, A. C. A. Teoria Geral da Administração. Da Revolução humana a revolução digital. 7. Ed. São Paulo: Atlas, 2012.

MEIRELLES, H. L. Direito Administrativo Brasileiro. 42. Ed. São Paulo: Malheiros, 2015.

PEINADO, J; GRAEML, A. R. Administração da Produção: operações industriais e de serviços. Curitiba: UnicenP, 2007.

PONTES, H. U. N.; XAVIER, A. R. O pregão como processo de compras no governo do Estado do Ceará. Revista Expressão Católica, Ceará, v. 6, n. 2, p. 63 - 72, 2018. DOI: 10.25190/rec.v6i2.2187. Disponível em: http://publicacoesacademicas.unicatolicaquixada.edu.br/index.php/rec/article/view/2187. Acesso em: 01 de ago. de 2019.

SLACK, N.; BRANDON-JONES, A.; JOHNSTON, R. Administração da produção. Tradução Daniel Vieira. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2018.

SLACK, N.; CHAMBERS, S.; HARLAND, C.; HARRISON, A.; JOHNSTON, R. Administração da produção. Revisão Técnica: Henrique Correa, Irineu Gianesi. 1. Ed. 10. reimpr. São Paulo: Atlas, 2006.

STALK JR., G. Time: the next source of competitive advantage. Harvard business review, Estados Unidos, v. 66, p. 41 - 51, Jul. - Ago., 1988. Disponível em: https://hbr.org/1988/07/time-the-next-source-of-competitive-advantage . Acesso em: 10 de ago. de 2019.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS. Relatório de Gestão / Setor de Licitação. [Manaus: UFAM], 2018. Disponível em: http://edoc.ufam.edu.br/bitstream/123456789/231/1/RELATORIO%20ANUAL%20DE%20GEST%c3%83O%202018.pdf. Acesso em: 12 ago. 2019.

WATTS, T; MCNAIR, C. J.; BAARD, V.; POLUTNIK, L.. Structural limits of capacity and implications for visibility. Journal of Accounting & Organizational Change, Estados Unidos, v. 5, n. 2, p. 294 - 312, 2009. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/44285606_Structural_limits_of_capacity_and_implications_for_visibility. Acesso em: 01 de ago. de 2019.

WU, C. W.; CHEN, C. L. An integrated structural model toward successful continuous improvement activity. Technovation, Taiwan, v. 26, n. 5-6, p. 697-707, 2006. Disponível em: http://isiarticles.com/bundles/Article/pre/pdf/6827.pdf. Acesso em: 05 de ago. de 2019.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 3. Ed. Porto Alegre: Bookman, (2015).




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-283

Refbacks

  • There are currently no refbacks.