Investigação do efeito da precipitação sobre o nível estático dos aquíferos Açu e Beberibe através do monitoramento de poços realizado pelo Rimas/Cprm em Bayeux- PB e Afonso Bezerra- RN / Investigation of the effect of precipitation on the static level of Açu and Beberibe aquifers through the well monitoring performed by Rimas/Cprm in Bayeux– pb and Afonso Bezerra- RN

Jahy Barros Neto, Paula Stein, Hilda Camila Nascimento Nogueira, Rayza Lívia Ribeiro Andrade

Abstract


A hidrogeologia é ramo da geologia que estuda a ocorrência das águas subterrâneas, sua utilização e funções. Uma vez conhecidas e avaliadas as potencialidades dessas águas, esta ciência poderá ser aplicada na gestão de preservação desses recursos hídricos. Visando obter um maior conhecimento acerca desse recurso na Região Nordeste, caracterizada por ser uma extensão territorial, em sua maior parte, dominada pela escassez de águas superficiais, o presente trabalho tem como proposta um estudo de dois importantes aquíferos para o abastecimento público: o Aquífero Beberibe, na região litorânea da Paraíba, sob clima úmido, e o Aquífero Açu localizado no semiárido potiguar. O objetivo da pesquisa é aprofundar o conhecimento hidrogeológico a partir da investigação da dinâmica das águas em ambos os aquíferos situados em contextos climáticos distintos e, consequentemente, com regimes de chuvas dissemelhantes. Para tanto foram utilizados dados de nível da água dos poços da Rede Integrada de Monitoramento das Águas Subterrâneas (RIMAS-CPRM) e dados de chuvas obtidos de pluviômetros instalados nas imediações dos dois poços de monitoramento, um poço está localizado em Bayeux- PB e representa o aquífero paraibano, e o outro em Afonso Bezerra- RN, retratando o aquífero Açu. Os resultados foram tratados na forma gráfica. No aquífero Açu, ao longo do período monitorado, o nível tem se tornado mais profundo, fato que pode refletir tanto a crescente exploração do aquífero, quanto os anos de chuvas abaixo da média que incidiram na região. No aquífero Beberibe era prevista uma rápida recuperação dos níveis em resposta a recarga das chuvas que se dá no âmbito regional, e não local, devido ao confinamento hidráulico do aquífero, porém existiu no período monitorado, uma tendência de rebaixamento.  

 

 


Keywords


Águas subterrâneas, Aquífero Beberibe, Aquífero Açu.

References


AESA.2008. Plano Estadual de Recursos Hídricos. João Pessoa: AESA. – Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba Relatório Final.

ANA. Disponibilidade e Demandas de Recursos Hídricos no Brasil. Brasília: ANA – Agência Nacional de Águas. 2005. Cadernos de Recursos Hídricos. Disponível em: http://www.ana.gov.br/pnrh_novo/documentos/01%20Disponibilidade%20 e %20 Demandas/VF%20Disponibilidade Demanda.pdf.

CPRH. Diagnóstico Socioambiental - Litoral Norte. O Meio Físico da Área. Recursos Hídricos Subterrâneos. CPRH/ MA - PNMA11. 2003. Disponível em: http://www.cprh.pe.gov.br/frme-index-secao.asp?idconteudo=460.

CPRM, 2009. Serviço Geológico do Brasil. Projeto Implantação de Rede Integrada de Monitoramento das Águas Subterrâneas. 76p. Disponível em http://rimasweb.cprm.gov.br/layout/pdf/proposta_monitoramento_CPRM_2009.pdf. Acesso em 16/05/2018.

COSTA, W.D. 1994. Água subterrânea e o desenvolvimento sustentável do semiárido nordestino. Projeto ÁRIDAS. Brasília, Secretaria de Planejamento, Orçamento e Coordenação da Presidência da República. 53 p. (GT II – Recursos Hídricos, Versão Preliminar).

COSTA, W.D. e COSTA FILHO, W.D. 2004. A gestão dos aqüíferos costeiros de Pernambuco. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, 13, Cuiabá. Anais... ABAS. 2004. CD-ROM.

DANTAS, J. W. S. Caracterização Hidrogeológica e Critérios para Construção de Poços na Bacia Sedimentar Paraíba. 2012. Dissertação (Mestrado em Geociências), Universidade Federal do Pernambuco, Recife.

FETTER C.W. 1994. Applied Hydrogeology. 3 ed. New York, Toronto, 691 p.

MELO, J. G.; STEIN, P.; VASCONCELOS, M.B.; SILVA, F. H. R. Fatores condicionantes na recarga do Aqüífero Açu na borda sudoeste da Bacia Potiguar (RN). 2007. Disponível em: http://en.scientificcommons.org/22762730.

STEIN, P. Potencialidades e Aspectos da Salinização do Aquífero Açu na Borda Sul da Bacia Potiguar, RN – Trecho Apodi/Upanema. 2003. 196 f. Dissertação (Mestrado em Geociências) – Centro de Tecnologia e Geociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2003.

STEIN, P.; MELO, J. G.; Potencial Hidrogeológico e Caracterização Hidrogeoquímica do Aqüífero Açu na Borda Sul da Bacia Potiguar no Trecho Apodi-Upanema, RN. Revista Águas Subterrâneas, vol. 11, p.171-181, 2006.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-211

Refbacks

  • There are currently no refbacks.