Abordagem de competências digitais em Cursos de pedagogia de universidades públicas na região de Ubá/MG / Digital skills approach in public universities pedagogy courses In the region of Ubá / MG

Artur Pires de Camargos Júnior

Abstract


A utilização de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na Educação Básica é uma possibilidade que surgiu no contexto cibercultural. Neste sentido, o tema desta pesquisa foi a abordagem de competências digitais em Projetos Pedagógicos de Cursos de Licenciatura Plena em Pedagogia, modalidade presencial. O estudo envolveu Instituições de Ensino Superior públicas localizadas em um raio de até 200 Km do município de Ubá/MG. O objetivo geral era conhecer a abordagem daquelas competências nos Projetos Pedagógicos de Cursos de Licenciatura Plena em Pedagogia presencial das instituições selecionadas. A realização da pesquisa justificou-se, entre outras razões, pela implementação da Base Nacional Comum Curricular, que prevê a cultura digital como umas das competências gerais a serem desenvolvidas por estudantes da Educação Básica.  Para desenvolver o estudo, optou-se por uma metodologia de cunho qualitativo, com características exploratórias e procedimentos de pesquisa bibliográfico-documental. Os principais conceitos envolvidos neste estudo foram: Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação, cibercultura, competências digitais e Projeto Pedagógico de Curso. A análise de dados indicou que as competências digitais foram abordadas de forma irregular nos Projetos Pedagógicos de Curso. A dimensão pedagógica foi mais contemplada que as dimensões de cidadania digital e desenvolvimento profissional, o que sugere desafios e possibilidades para as Instituições de Ensino Superior selecionadas.


Keywords


Competências digitais, Pedagogia, PPC.

References


BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BRASIL. Resolução CNE/CP nº 1, de 15 de maio de 2006. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 16 mai. 2006. Seção 1, p. 11.

CENTRO DE INOVAÇÃO PARA A EDUCAÇÃO BRASILEIRA. Nota técnica 8: competências de professores e multiplicadores para uso de TICs na Educação. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2019.

COMISSÃO EUROPEIA. Competências e tecnologias digitais na educação. Disponível em: . Acesso em: 15 ago. 2018.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

LÉVY, P. Cibercultura. 3. ed. São Paulo: 34, 2014.

LIBÂNEO, J. C. Pedagogia e pedagogos, para quê?. 12. ed. São Paulo: Cortez, 2010.

PARADA, E. A. TICs na escola: balanço de teses e dissertações brasileiras. Curitiba: Appris, 2016.

PISCHETOLA, M. Inclusão digital e educação: a nova cultura da sala de aula. Petrópolis: Vozes, 2016.

SANTOS, C. A.; SALES, A. As tecnologias digitais da informação e comunicação no trabalho docente. Curitiba: Appris, 2017.

SILVA, A. H.; FOSSÁ, M. I. T. Análise de conteúdo: exemplo de aplicação da técnica para análise de dados qualitativos. Qualit@s Revista Eletrônica, Campina Grande, v. 16, n. 1, p. 1-14, jan.–jun. 2015.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. Projeto pedagógico de curso. Disponível em: . Acesso em: 19 mai. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-087

Refbacks

  • There are currently no refbacks.