Disponibilidade natural de sementes florestais em áreas de cerrado e floresta de Roraima / Natural availability of forest seeds in cerrado and forest areas of Roraima

Oscar José Smiderle, Dalton Roberto Schwengber, Jane Maria Franco de Oliveira, Sônia Maria S. Jordão, Hananda Hellen Gomes, Aline das Graças Souza

Abstract


As espécies florestais podem apresentar alternância na produção de frutos ao longo dos ciclos do vegetal, caracterizando ofertas descontínuas de material propagativo. Além disso, faltam informações sistematizadas sobre a silvicultura, bem como a dificuldade na disponibilidade de sementes e ainda mais de mudas de espécies florestais nativas. O objetivo foi identificar o período de coleta de sementes de espécies madeireiras em áreas de floresta alterada e de cerrado em Roraima, obter sementes, bem como possibilitar a produção de mudas e registrar essas atividades, dando ênfase para a disponibilidade de sementes, essencial para subsidiar práticas de reflorestamento e de recuperação de áreas alteradas. As plantas onde coletou-se sementes foram identificadas e os dados anotados. Para semeio das espécies, os frutos foram coletados diretamente da árvore quando maduros ou recolhidos no chão logo após sua queda. No laboratório de Sementes da Embrapa Roraima as sementes foram retiradas dos frutos e passaram por procedimentos de limpeza. Em seguida foram selecionadas, tratadas com fungicida e semeadas em sementeiras contendo areia. Após a emergência das plântulas, as mesmas foram transplantadas para sacolas plásticas de polietileno contendo substrato composto por terra arenosa + terra argilosa (v:v; 1:1). As mudas foram cultivadas em viveiro da Embrapa Roraima, sob telado de 50% de sombreamento e com irrigação por aspersão em turnos diários. A semeadura logo após a colheita e beneficiamento das sementes, exibe ausência de dormência das sementes para a maioria das espécies avaliadas. O transplante de plântulas, no momento oportuno e tamanho adequado são promissores para a produção de mudas de espécies florestais nativas, assim como o armazenamento em condições especiais, considerando a sazonalidade da produção e as quantidades reduzidas verificadas.


Keywords


Sementes florestais; oferta de sementes; germinação; morfobiometria de sementes.

References


CAMPOS FILHO, E. M. (org). Plante as árvores do Xingu e Araguaia. Ed. rev. e ampl. - São Paulo: Instituto Socioambiental, 2012. (Série Plante as árvores do Xingu e Araguaia).

FERREIRA, D. F. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia, n. 35, v. 6, 1039-1042, 2011.

JANZEN, D. H. Synchronization of sexual reproduction of trees within the dry season in Central America. Evolution, n.21, p.620-37, 1967.

JUVENAL, T. L.; MATTOS, R.L.G. O setor florestal no Brasil e a importância do reflorestamento. BNDES Setorial, Rio de Janeiro, n.16, p.3-30, 2002.

LORENZI, H. Árvores brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. Nova Odessa: Ed. Plantarum, 1998. 2 v.

OLIVEIRA, J. M. F. de; SCHWENGBER, D. R.; SMIDERLE, O. J. Ocorrência de Paricarana (Bowdichia virgilioides) em três Municípios de Roraima e sua relação com as características do solo. Disponível em < http://www.diadecampo.com.br/arquivos/materias/%7B4F4116D9-EBCE-41EB-AD69-FD3377A3FF28%7D_Ocorrencia-da_Paricarana_em_tes_municipios.PDF> Acesso: 06/08/2016

PIÑA-RODRIGUES, F. C. M.; MARTINS, R.B. Dormência: tipos e formas de superação. In: Sementes florestais: guia para germinação de 100 espécies nativas. Mori, E.S, Piña-Rodrigues, F. C. M., Freitas, N. P., Martins R. B. (org.). 1. ed. São Paulo: Instituto Refloresta, p.19-26, 2012.

PIRES-O’BRIEN, M.J.; O’BRIEN, C.M. Ecologia e modelamento de florestas tropicais. Belém: FCAP, Serviço de Documentação e Informação, 1995. 400 p.

SABOGAL, C.; ALMEIDA, E.; MARMILLOD, D.; CARVALHO, J.O.P. Silvicultura na Amazônia Brasileira: avaliação de experiências e recomendações para implementação e melhoria dos sistemas. Belém, CIFOR, 2006. 190p.

SHORN, L.A.; FORMENTO, S. Silvicultura II: produção de mudas florestais. Apostila. Universidade Regional de Blumenau – Dep. de Engenharia Florestal. Jan 2003. 55p.

SOUZA, A. G.; SMIDERLE, O. J.; ARAUJO, R. M.; MORIYAMA, T. K.; DIAS, T. J. Controlled-Release Fertiliser and Substrates on Seedling Growth and Quality in Agonandra brasiliensis in Roraima. Journal of Agricultural Studies, v. 8, n. 3, p. 70-80, 2020.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-003

Refbacks

  • There are currently no refbacks.