Energia fotovoltaica: estudo de viabilidade econômica para implantação em edificações residenciais no Tocantins/ Photovoltaic energy: economic viability study for implementation in residential buildings in Tocantins

Jayron Alves Ribeiro Junior, Thainá Maria da Costa Oliveira, Pablo Virgolino Freitas, Daniel Pessanha de Queiroz, Ângela Maria Almeida Costa, Thiago Neres de Alencar, Luiz Felipe Albuquerque da Silva, João Victor Batista Palheta

Abstract


A amplificação do crescimento populacional e uso exacerbado dos recursos naturais, levando em consideração a poluição gerada e a natureza finita das energias fósseis tornam o modelo energético atual questionável. Nesse cenário de preocupação em relação ao meio ambiente e o futuro do planeta, busca-se cada vez mais por fontes de energias alternativas. Nesse contexto, a energia solar surge como uma excelente fonte de energia sustentável, indo na contramão das fontes de energia não renováveis. Este artigo objetiva avaliar a aplicação da energia solar como substituição de fontes de energia convencionais, fazendo um breve estudo de viabilidade econômica para implantação em edificações residenciais, levando em consideração o perfil econômico do cidadão tocantinense. Como resultado, concluiu-se que a instalação de energia fotovoltaica é viável para atender a demanda de energia residencial tocantinense, contudo, é frágil no ponto de vista econômico, uma vez que seu alto custo de implantação é elevado, dependendo de algum tipo de financiamento ou de incentivo de novas políticas públicas governamentais.


Keywords


Energia solar. Instalações elétricas. Placas fotovoltaicas.

References


Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica. Investimentos do setor. "Disponível em: http://www.abradee.com.br/setor-de-distribuicao/investimentos-dosetor": Acesso em: 07 set. 2019

BRAGA, R. P. Energia Solar Fotovoltaica: Fundamentos e Aplicações. UFRJ, 2008.

CABRAL, Isabelle; VIEIRA, Rafael. Viabilidade econômica x viabilidade ambiental do uso de energia fotovoltaica no caso brasileiro: uma abordagem no período recente. III Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental. Goiânia: Ibeas – Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais, 2012. p. 1 - 12. Disponível em: . Acesso em: 08 set. 2019.

CUNHA, J. L. P. A. Eletrificação de Edificações Rurais Isoladas utilizando Energia Solar Fotovoltaica. Universidade Federal de Lavras, 2006.

CRESESB, Energia Solar - Princípios e Aplicações. Disponível em:

http://www.cresesb.cepel.br/download/tutorial/tutorial_solar_2006.pdf. Acesso em 08/09/2019.

EMPRESA DE PESQUISA ENERGÉTICA (Brasil). EPE publica o Anuário Estatístico de Energia Elétrica 2018. 2018. Disponível em: . Acesso em: 07 ago. 2019.

ENERGISA (Tocantins). Tipos de tarifas. 2019. Disponível em: . Acesso em: 07 set. 2019.

MARTINS, Abimael Ribeiro et al. Consumo de energia elétrica do estado do tocantins nos últimos 5 anos. In: jornada de iniciação científica e extensão, 8., 2017, Palmas. 8ª Jornada de Iniciação Científica e Extensão. Palmas: Instituto Federal do Tocantins, 2017. p. 1 - 6. Disponível em: . Acesso em: 08 set. 2019.

Ortiz, Lúcia Schild Energias renováveis sustentáveis: uso e gestão participativa no meio rural / Lúcia Schild Ortiz (coord.). – Porto Alegre: Núcleo Amigos da Terra/Brasil, 2005.

RUETHER, G. M. A energia que vem do deserto. Caderno Planeta Terra, Jornal O Globo - 10 de janeiro de 2012.

SANTOS, M. G. R. S. & MOTHÉ, C. G. Fontes Alternativas de Energia. Revista Analytica. Nº 32. Dezembro 2007/Janeiro 2008.

TEIXEIRA, Alexandre de Almeida; CARVALHO, Matheus Costa; LEITE, Leonardo Henrique de Melo. ANÁLISE DE VIABILIDADE PARA A IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE ENERGIA SOLAR RESIDENCIAL. E-xacta, Belo Horizonte, v. 4, n. 3, p.117-136, 30 dez. 2011. Disponível em: . Acesso em: 08 set. 2019.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n2-101

Refbacks

  • There are currently no refbacks.