Análise de rendimento de biomassa e crescimento da microalga marinha chaetoceros muelleri com depleção da fonte de nitrogênio / Yield analysis of biomass and growth of marine micro-algae chaetoceros muelleri with depletion of nitrogen source

Susana Félix Moura dos Santos, Illana Beatriz Rocha de Oliveira, Ana Cláudia Teixeira Silva, Dilliani Naiane Mascena Lopes, Maria da Conceição Oliveira Freitas, Rafael Lustosa Maciel, Cristiane Freitas Pacheco, José William Alves da Silva

Abstract


As microalgas são importantes para o equilíbrio dos ecossistemas aquáticos, pois encontram-se na base da cadeia alimentar dos organismos aquáticos, além disso, são excelentes bioindicadores da qualidade da água, indicando, por exemplo, um desequilíbrio ecológico por excesso de nutrientes e matéria orgânica, sendo também utilizadas no biotratamento de águas residuais. O estudo foi realizado no Laboratório de Tecnologias Aquícolas (LTA), do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) – Campus Aracati. Com o cultivo axênico da microalga Chaetoceros muelleri, considerou-se dois tratamentos T1 e T2, para analisar a influência da depleção nitrato presente no meio de cultura Guillard F/2, com variações de 75 mg.L-1 (T1) e 50 mg.L-1 (T2), cada tratamento com cinco repetições, em condições semelhantes de aeração, iluminação e temperatura. O cultivo foi estacionário e o crescimento das microalgas monitorado através de medida de densidade ótica (DO700nm) por espectrofotometria, posteriormente relacionada a biomassa com peso seco. Quando o cultivo atingiu a fase estacionária de crescimento, as microalgas foram separadas do meio de cultura por floculação química, utilizando hidróxido de sódio (NaOH 2N). Após a floculação a biomassa foi para secagem em estufa a 60° C durante 24 horas, posteriormente, o peso foi determinado em balança analítica. A C. muelleri atingiu maior recuperação algal com a utilização de 75 mg.L-1 de nitrato (T1) no meio de cultura.


Keywords


Biomassa; Cultivo axênico; Diatomáceas.

References


BARBIERI, J.R.C.; OSTRENSKY, A.N. Camarões marinhos reprodução, maturação e larvicultura. Viçosa: Aprenda Fácil, 2001. 152p.

BORGES, W. DA S. Produção de bio-óleo empregando microalgas em diferentes meios de cultivo. [s.l.] Tese (Doutorado em Engenharia Química), Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.]

DALIRY, S., HALLAJISANI, A., ROSHANDEH, J. M., NOURI, H., & GOLZARY, A. Investigation of optimal condition for Chlorella vulgaris microalgae growth. Global J. Environ. Sci. Manage, v. 3, n. 2, p. 217–230, 2017.

FRANCESCHINI, I.M.; BURLIGA, A.L.; REVIERS, B. de; PRADO, J.P.; RÉZIG, S.H. Algas: uma abordagem filogenética, taxonômica e ecológica. Porto Alegre: Artmed, 2010. 38p.

LOURENÇO, S. de O. Cultivo de Microalgas Marinhas: Princípios e Aplicações. Brasil: RiMa, 2006. 26p.

LU, L., WANG, J., YANG, G., ZHU, B., & PAN, K. Heterotrophic growth and nutrient productivities of Tetraselmis chuii using glucose as a carbon source under different C/N ratios. Journal of Applied Phycology, v. 29, n. 1, p. 15–21, 2017.

RAPOSO, M.F.J.; MORAIS, M.R.C.; MORAIS, A.M.B. Bioactivity and Applications of Sulphated Polysaccharides from Marine Microalgae. Marine Drugs. 233-252p., 2013.

YANG, J; XU, M.; ZHANG, X.; HU, Q.; SOMMERFELD, M.; CHEN, Y. Life-cycle analysis on biodiesel production from microalgae: Water footprint and nutrientes balance. Bioresource Technology. v. 102, p. 159-165. 2011.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n2-022

Refbacks

  • There are currently no refbacks.