Estudo do método ahp para desenvolvimento de estrutura de sistema de apoio à decisão (sad) no gerenciamento de resíduos da construção civil em canteiros de obras verticais / Study of the ahp method for developing the decision support system (sad) in the management of civil construction waste in vertical construction sites

Romão Manuel Leitão Carrapato Direitinho, José da Costa Marques Neto, Rodrigo Eduardo Córdoba

Abstract


Os resíduos da construção civil (RCC) constituem um dos principais elementos de degradação do meio ambiente, por força do enorme volume gerado e do descarte inadequado. Boa parcela dos trabalhos acadêmicos enfoca a ótica pública do gerenciamento desses resíduos, ao invés da ótica privada, que necessita gerir seus recursos físicos com menos perdas para obtenção do lucro. O lucro é apenas um dos critérios a serem considerados na gestão dos RCC em canteiros de obras. Por esse motivo, os métodos multicriteriais são pertinentes para estabelecer a base de partida na resolução dos problemas gerenciais dos resíduos gerados dentro dos canteiros de edifícios verticais. O AHP, criado por Thomas Saaty, e universalmente aplicado para resolver problemas complexos em múltiplas áreas do conhecimento, é um dos métodos multicriteriais mais difundidos. Neste estudo ele foi utilizado como método central ao desenvolvimento de uma ferramenta computacional mais robusta, um sistema de apoio à decisão (SAD) a gestão dos RCC para empresas construtoras. Neste sentido, o presente artigo teve por objetivo estabelecer a estrutura básica para posterior desenvolvimento de ferramenta computacional, inexistente no país, e projetada para uso de construtoras de edificações verticais. Iniciou-se com uma vasta revisão bibliográfica sobre o AHP, concluindo-se por diferenças na aplicação do mesmo método, entre autores, o que não costuma ser abordado. Concluiu-se também pela vantagem de associar o AHP a modelação matemática empírica, dada a necessidade de estabelecimento de base inicial de dados de geração de resíduos. Foi montada uma proposta de aplicação do AHP em quatro níveis hierárquicos e preenchidas suas matrizes por especialistas. Além disso, foi elaborado e respondido um questionário, coletados dados de geração de RCC em algumas obras de edifícios verticais e recolhidos documentos de controle sobre procedimentos gerenciais. Por fim, foi elaborado um diagnóstico sobre essa gestão em um canteiro vertical, e foi pesquisada estrutura, e respectivo tratamento estatístico, de modelo matemático empírico, sobre a geração de resíduos da construção.


Keywords


Gerenciamento de RCC, método AHP, sistemas de apoio à decisão.

References


ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10004: Resíduos sólidos – Classificação. Rio de Janeiro, 2004;

______. NBR 15112: Resíduos da construção civi e resíduos volumosos – Áreas de transbordo e triagem – Diretrizes para projeto, implantação e operação. Rio de Janeiro, 2004.

______. NBR 15113: Resíduos sólidos da construção civil e resíduos inertes - Aterros – Diretrizes para projeto, implantação e operação. Rio de Janeiro,2004;

______. NBR 15114: Resíduos sólidos da construção civil – Áreas de reciclagem – Diretrizes para projeto, implantação e operação. Rio de Janeiro, 2004.

______. NBR 15115: Agregados reciclados de resíduos sólidos da construção civil – Execução de camadas de pavimentação – Procedimentos. Rio de Janeiro, 2004.

______. NBR 15116: Agregados reciclados de resíduos sólidos da construção civil – Utilização em pavimentação e preparo de concreto sem função estrutural – Requisitos. Rio de Janeiro, 2004.

BRASIL (2010). Lei nº 12305, de 2 de agosto de 2010. Política Nacional dos Resíduos Sólidos. DOU, Brasilia, DF. Agosto de 2010.

BRASIL (2002). Resolução CONAMA nº 307 de 05 de Julho de 2002. Dispõe sobre Gestão dos Resíduos da Construção Civil.

BRASIL (2004). Resolução CONAMA nº 348. Modifica a Resolução CONAMA nº 307 de 05 de Julho de 2002, incluindo o amianto na classe dos resíduos perigosos. DOU, Brasília, DF. Agosto de 2004.

BRASIL (2011). Resolução CONAMA nº 431 de 25 de maio de 2011. Altera o art. 3º da Resolução CONAMA nº 307 de 05 de Julho de 2002, estabelecendo nova classificação para o gesso. DOU, Brasília, DF. 2011.

BRASIL (2012). Resolução CONAMA nº 448, de 19 de Janeiro de 2012. Altera os arts. 2º, 4º, 5º, 6º, 8º, 9º, 10 e 11 da Resolução nº 307, de 5 de julho de 2002. DOU, Brasília, DF. 2012.

BRASIL (2015). Resolução CONAMA nº 469, de 29 de Julho de 2015. Altera a Resolução CONAMA nº 307, de 5 de julho de 2002, que estabelece diretrizes, critérios e procedimentos para a gestão dos resíduos da construção civil. DOU, Brasília, DF. 2015.

BRUM, F. M. Implantação de um programa de gestão de resíduos da construção civil em canteiro de obra pública: o caso da UFJF. Juiz de Fora. 2013. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Ambiente Construído da Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF, 2013.

DIAS, M.F. Modelo para estimar a geração de resíduos na produção de obras residenciais verticais. São Leopoldo. 2013. Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil da Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Unisinos, 2013.

FIGUEIRA, J.; GRECO, S.; EHRGOTT, M. Multiple criteria decision analysis: state of the art surveys. International Series in Operations Research & Management Science . New York: Springer, 2005.

HONGPING, Y. A dynamic model for assessing the effectiveness of construction and demolition waste management. Hong-Kong. 2011. Thesis of Doctorate in Philosophy. Department of Building and Real Estate of The Hong-Kong Polytechnic University, 2011.

JOHN, V. M. (Coord). Manual de Habitação mais Sustentável. Projeto Finep 2386/04: Tecnologias para construção habitacional mais sustentável. São Paulo, Brasil, 2009.

LIMA, R.S; LIMA, R.R.R. Guia para Elaboração de Projeto de Gerenciamento de Resíduos da Construção Civil. Série de Publicações Temáticas do CREA-PR, 2012.

LORDÊLO, P. M.; EVANGELISTA, P. P. A.; FERRAZ, T. G. A. Programa de gestão de resíduos em canteiros de obras: método, implantação e resultados. In: Programa de Gestão de Resíduos da Construção Civil, SENAI/BA, 2006.

MARQUES NETO, J. C. Estudo da gestão municipal dos resíduos de construção e demolição da bacia hidrográfica do Turvo Grande (UGRHI-15). São Carlos. 2009. Tese de Doutorado em Ciências: Engenharia Hidráulica e Saneamento. Escola de Engenharia de São Carlos - Universidade de São Paulo, São Carlos, 2009.

MENDES, T. S. Educação ambiental: mapeamento dos pontos de resíduos da construção civil de Campina Grande –PB. 2014.

MIRANDA, L. F. R.; ANGULO, S. C e CARELI, E. D. A reciclagem de resíduos de construção e demolição no Brasil: 1986-2008. Porto Alegre – RS, 2009.

OLIVEIRA, C.A. de; BELDERRAIN, M.C.N. Considerações sobre a obtenção de vetores de prioridades do AHP. Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), 2008.

POLATIDIS, H. et al. Selecting an appropriate multi-criteria decision analysis technique for renewable energy planning. Energy Sources, Part B, v. 1, p. 181-193, 2006.

RODRIGUEZ, D.S.S.; COSTA, H.G.; CARMO, L.F.R.R.S. do Métodos de auxílio multicritério à decisão aplicados a problemas de PCP: Mapeamento da produção em periódicos publicados no Brasil. Revista Gestão & Produção, São Carlos, v. 20, n. 1, p. 134-146, 2013.

SAATY, T. L. Método de Análise Hierárquica. Editora McGraw Hill Ltda. São Paulo, Brasil, 1991.

SAATY, T. L. Some Mathematical Concepts of the Analytic Hierarchy Process. Behaviormetrika, v. 29, p. 1-9, 1991.

SINDUSCON-SP. Gestão Ambiental de Resíduos da Construção Civil. São Paulo, 2005.

TAVARES, L. P. M. Levantamento e análise da deposição e destinação de resíduos da construção civil em Ituiutaba/MG. Uberlândia. 2007. Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil. Universidade Federal de Uberlândia, 2007.

VARGAS, R.V. Utilizando a programação multicritério (analytic hierarchy process – AHP) para selecionar e priorizar projetos na gestão de portfólio. PUBLICAÇÕES PMI GLOBAL CONGRESS. 2010. North America, p. 1-22, 2010. Washington – DC – EUA, 2010.

VENTURA, K. S. Modelo de avaliação do gerenciamento de resíduos de serviços de saúde (RSS) com uso de indicadores de desempenho. Estudo de caso: Santa Casa de São Carlos – SP. São Carlos. 2009. Tese de Doutorado em Engenharia Hidráulica e Saneamento. Escola de Engenharia de São Carlos – Universidadede São Paulo, São Carlos, 2009.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n2-008

Refbacks

  • There are currently no refbacks.