Avaliação de cultivares de ervilha de duplo propósito para diversificação de sistemas agrícolas ecológicos / Evaluation of pisum cultivars of double-purpose for diversification of ecological agricultural systems

Josuan Sturbelle Schiavon, Gilberto Antonio Peripolli Bevilaqua, Tatiana Schiavon Albuquerque, Regis Araujo Pinheiro, Paulo Eduardo da Rocha Eberhardt, Irajá Ferreira Antunes

Abstract


A utilização de espécies de duplo propósito torna-se fundamental para aumentar a sustentabilidade dos sistemas de base ecológica, aliando a cobertura e a recuperação da fertilidade do solo. A ervilha é uma leguminosa de cultivo anual, sendo cultivada em regiões de clima temperado, cujo cultivo contempla a cobertura e recuperação da fertilidade do solo, a produção de forragem e a de sementes. Objetivou-se avaliar a adaptação, o ciclo e a produtividade de acessos crioulos de diferentes genótipos de ervilha da Embrapa Clima Temperado, em áreas experimental, na Estação Terras Baixas, em planossolo com utilização de adubação de base ecológica. Entre os genótipos avaliados são encontrados ervilha de grãos verde e amarelo claro, para alimentação, ervilha de consumo verde e ervilha forrageira, de grão marrom. Os acessos são frutos de parceria entre a Embrapa Clima Temperado e guardiões de sementes que selecionaram conjuntamente estes acessos, através de melhoramento participativo, verificando-se que possuem elevado potencial produtivo. Foram avaliados 45 acessos do banco de germoplasma em campo experimental durante dois anos para caracterização agronômica e nutricional. Os genótipos Forrageira GM 11, Ibiraiaras 59 e Seleção baba de moça destacaram-se como mais produtivos e com boa qualidade de grão, A avaliação da produção de biomassa e grãos e a qualidade nutricional da cultura comprova a sua utilização como planta de duplo propósito.


Keywords


Pisum sativum; Acessos; Produção de Sementes; Biomassa

References


ACOSTA, Y.; MEIRES, J.M. 2004. Guia para la alimentación de rumiantes. La Estanzuela: Inia, 3ªed, 2004, 64pp. Disponível em: http://www.inia.org.uy/online/site/ publicacion-ver.php?id=979

AGUIAR NETTO, A.O. et al. Desenvolvimento de plantas de ervilha (Pisum sativum L.), submetidas a diferentes potenciais da água no solo: índices fisiológicos. Scientia Agricola, p. 521-527, 1995.

BASTIANELLI, D.; GROSJEAN, F.; PERYRONNET, M. et al. Feeding value of pea (Pisum sativum, L.) 1. Chemical composition of different categories of peas. Animal Science, v.67, n.3, p.609-619, 1998.

BEVILAQUA, G.A.P. et. al. Indicações técnicas para a produção de sementes de plantas recuperadoras de solo para a agricultura familiar. Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 43 p. 2008. (Embrapa Clima Temperado. Documentos, 227).

CAMPOS, C.; BRITO TAVARES, A.M. Avaliação da diversidade genética de uma coleção portuguesa de ervilha (Pisum sativum L.) através de marcadores morfológicos e moléculares. 2014.

CANNIATTI-BRAZACA, S.G. Valor nutricional de produtos de ervilha em comparação com a ervilha fresca. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 26, n. 4, p. 766-771, 2006.

CARDOSO, E.D. et al. Doses de zinco e nitrogênio na produtividade e qualidade de grãos de ervilha. Pesquisa Agropecuária Tropical, p. 263-271, 2012.

COUSIN, R. Le pois. Etude génétique des carcatères, classification, carcatéristiques variétales portant sur les variétés inscrites au catalogue officiel francçais. In M. Pitrat, & C. Foury, Histoires de légumes des origines au XXI e siècle (p. 111). Paris: INRA, 1974.

COUSIN, R. (1997). Peas (Pisum sativum L.). Field Crops Research , 53, pp. 111-130.

COZZOLINO, D. Guia para la interpretación de resultados de las analisis de laboratório. La Estanzuela: Inia. 1994. 4pp. Disponível:

COZZOLINO, D. Guia para la interpretación de resultados de las analisis de laboratório. La Estanzuela: Inia. 1994. 4pp. Disponível:

DE CANDOLLE, A. L'origine des plantas cultivées. Paris, 1883.

DERPSCH, R.; CALEGARI, A. Plantas para adubação verde de inverno. Londrina: IAPAR, 1992. 80 p. (IAPAR. Circular, 73).

DERPSCH, R.; CALEGARI, C. Guia de plantas para adubação verde de inverno. Londrina: IAPAR, 1985. 96 p. (IAPAR. Documentos, 9).

DUKE, J. Hand book of legumes of world economic importance. New York: Plenum Press, 1981.

FERRÃO, J.E., CAIXINHAS, M.L.; LIBERATO, M.C. A ecologia, as plantas e a interculturalidade. In: LAGES, M.F.; MATOS A.T. Portugal: Percursos de Interculturalidade (Vols. I - Raízes e Estruturas, 2008. (pp. 232-223),

GATEL, F.; GROSJEAN, F. Composition and nutritive value of peas for pigs: a review of European results. Livestock Production Science, v.26, p.155-175, 1990.

GIORDANO, L. de B. Manejo e tratos culturais da ervilha. Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v.14, n.158, p.26-27, mar.1989.

GRIFFITHS, D.W. The polyphenolic content and enzyme inhibitory activity of testas from beans (Vicia faba) and peas (Pisum spp.) varieties. Journal of the Science of Food and Agriculture, v. 32, p.797-804, 1981.

GRITTON, E. T. Pea breeding. In: BASSETT, M. (Ed.). Breeding Vegetable Crops, 1986. (pp. 283-319).

GROSJEAN, F. Combining peas for animal feed. In: HEBBLETHWAITE, P.D.; HEATH, M.C.; DAWKINS, T.C.K., (ed). The pea crop: a basis for improvement. Londres: Butterworths, 1985. p.453-462.

GUEGUEN, J.; BARDOT, J. Quantitative and qualitative variability of peas (Pisum sativum, L. ) protein composition. Journal of the Science of Food and Agriculture, v.42, p.209-224, 1988.

HARTMANN, H., KOFRANEK, A.M., RUBATZKY, V., FLOCKER, W. Plant science: Growth, development and utilization of cultivated plants. Englewood Cliffs, NJ: Prentice Hall Career and Technology, 2a. ed, 1988).

HEICHEL, G. H. Legumes as a source of nitrogen in conservation tillage systems. In: POWER, J. F. (Ed.). The role of legumes in conservation tillage systems. Ankeny: Soil Conservation Society of America, 1987. p. 29-35. Proceedings of a National Conference, 1987, Atenas, Grécia.

HERNANI, L. C.; ENDRES, V. C.; PITOL, C.; SALTON, J. C. Adubos verdes de outono/inverno no Mato Grosso do Sul. Dourados: EMBRAPA-CPAO, 1995. 93 p. (EMBRAPA-CPAO. Documentos, 4).

HLÖDVERSSON, R. The Nutritive value of white- and dark-flowered cultivars of pea for growing-finishing pigs. Animal Feed Science and Technology, v.17, p.245-255, 1987.

HOEY, B.K., CROWE, K.R., JONES, V.M., POLANS, N.O. Aphylogenetic analysis of pisum based on morphological characters, and allozyme and RAPD markers. Theor. Appl. Genet. 92: 92-100, 1996.

JEUFFROY, M., DUTHION, C., MEYNARD, J., PIGEAIRE, A. (1990). Effect of a short period of high day temperatures during flowering on the seed number per pod of pea (Pisum sativum L.). Agronomie , 2, pp. 139-145.

KIMATI H.L., AMORIM, A. BERGAMIN FILHO, L.E.A. Manual de Fitopatologia Doenças de Plantas Cultivadas. vol. 2. São Paulo: Agronomica Ceres Ltda, 1997.

KNOTT, C. M. A key stages of development of the pea (Pisum sativum L.). Annals of applied biology, v. 111, pp. 233-244, 1987.

KOISTRA E. On the differences between smooth and three types of wrinkled peas. Euphytica, v.11, n.3, p.357-375, 1962.

LADIZINSKY, G., ADLER, A. The origin of chickpea Cicer arietinum L. Euphytica, 25: 211-217., 1976).

LETERME, P.; BECKERS, Y.; THEWIS, A. Trypsin inhibitors in peas: varietal effect and influence on digestibility of crude protein by growing pigs. Animal Feed Science and Technology, v.29, p.45-55, 1990.

LUND, S.; HÅKANSSON, J. Nutritional and growth studies with pea-crop meals and peas for growing-finishing pigs. Animal Feed Science and Technology, v.16, p.119-128, 1986.

MUEHLBAUER, F. J. (1992). Use of introduced germplasm in cool-season food legume cultivar development. In Shands, & Weisner (Edits.), Use of plant introductions in cultivar development Part 2 (pp. 49-73). CSSA Special Publications nº20 USA.

NEY, B. (1994). Modélisation de la croissance aérienne d’un peuplement de pois. In B. Ney, E. Duchêne, B. Carrouée, & F. Angevin, Agrophysiologie du Pois Protéagineux. Applications à la Production Agricole (pp. 39-48). UNIP, INRA, ITCF, Paris.

PAVINATO, A; AITA, C.; CERETTA, C.A; BEVILAQUA, G.A.P. Resíduos culturais de espécies de inverno e o rendimento de grãos de milho no sistema de cultivo. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 29, n. 9, p. 1427-32, 1994.

RODRIGUES, R.C. Avaliação Químico-bromatológica de Alimentos Produzidos em Terras Baixas para Nutrição Animal. Pelotas: Embrapa Clima Temperado, 2009. (Embrapa Clima Temperado. Documentos, 270).

ROMERO, N.C.S. et al. Efeito da época de adubacão nitrogenada em cobertura na producão e qualidade fisiológica de sementes de ervilha (Pisum sativum L). Revista de la ciencia del suelo y nutrición vegetal, v. 8, n. 3, p. 1-9, 2008.

SALGUEIRO, T. A. Requisitos de solos e de clima de proteaginosas e medidas de fomento da CEE. Pastagens e Forragens, v. 8, n. 1, pp. 9-17, 1986.

SANTOS, H.P.; FONTANELI, R.S.; BAIER, A.C.; TOMM, G.O. Principais forrageiras para integração lavoura-pecuária, sob plantio direto, nas regiões Planalto e Missões do Rio Grande do Sul. Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2002. 142 p.

SANTOS, M. A. S.; HAAG, H. P.; SARRUGE, J. R. Nutrição mineral de hortaliças: XX. absorção de macro e micronutrientes pela ervilha (Pisum sativum L.). Anais da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, v. 29, p. 127-153, 1972.

TOMM, G. O.; GIORDANO, L. de B.; SANTOS, H. P. dos; FERNANDES, J. M. C. Desempenho de genótipos de ervilha, de lentilha e de grão-de-bico no Planalto Médio do Rio Grande do Sul. Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2001. 56 p. (Embrapa Trigo. Documentos, 28).

TOMM, G. O.; GIORDANO, L. de B.; SANTOS, H. P.; ROSINHA, R. C. Leguminosas de grãos como alternativas de inverno. Passo Fundo: Embrapa Trigo, 1999. 7 p. html. (Embrapa Trigo. Comunicado Técnico Online, 9). Disponível em: http://www.cnpt.embrapa/biblio/p-co09.htm

TOMM, G. O.; GIORDANO, L. de B.; SANTOS, H. P. dos; VOSS, M.; NASCIMENTO, W. M.; ÁLVARES, M. do C. Ervilha BRS Forrageira: uma nova alternativa para cobertura de solo. Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2002. 1 folder.

TOMM, G. O.; LIMA, G. J. M. M. de. Desenvolvimento da cultura de ervilha para alimentação animal no Sul do Brasil. Passo Fundo: Embrapa Trigo, 2000a.14 p. html. 4 ilust. (Embrapa Trigo. Comunicado Técnico Online, 54). Disponível em: http://www.cnpt.embrapa.br/biblio/p-co54.htm.

VALDEBOUZE, P.; BERGERON, E.; GABORIT, T. et al. Content and distribution of trypsin inhibitors and hemoglutinins in some legume seeds. Canadian Journal of Plant Science, v.60, p.695-701, 1980.

VIEIRA, S.L. et al. Avaliação nutricional do grão de ervilha forrageira (Pisum sativum) em dietas para suínos em crescimento. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 32, n. 6, p. 1705-1712, 2003.

ZOHARY, D., HOPF, M. Domestication of plants in the Old World: the origin and spread of cultivated plants in West Asia, Europe and the Nile Valley. Oxford, England: Clarendon Press, 1993.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.