O desenvolvimento rural e a agroecologia: uma alternativa para sustentabilidade ambiental / Rural development and agroecology: an alternative for environmental sustainability

Claudio Soares dos Santos, Natacha Souza John

Abstract


O objetivo do presente trabalho é demonstrar as consequências do modelo de produção hegemônico no que tange o desenvolvimento rural, e seus principais reflexos ambientais, econômicas, sociais e políticas. Contudo, em relação ao meio ambiente a problemática pretende ser melhor investigada de forma a estudar a relação do Desenvolvimento Rural e a sustentabilidade e suas implicações em relação a finitude dos recursos naturais. Na medida que se busca considerar  também sobre a agroecologia como uma das alternativas viáveis para alcançar o Desenvolvimento Rural sustentável.


Keywords


agroecologia; desenvolvimento rural; meio ambiente; sustentabilidade

References


ALMEIDA, J. A problemática do desenvolvimento sustentável. In: BECKER, D. F. (Org.). Desenvolvimento sustentável: necessidade e/ou possibilidade? Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1997a. p. 17-26.

AMSTALDEN, L. F. F. Os custos da modernização. Campinas: UNICAMP/IFCH, ano 1, n.1, 1991. 56 p.

AZEVEDO, L.G. Visão holistica e sistêmica na analise ambiental. In: RIZZO, H.G. et.al (Org.). Seminário sobre desertificação no Nordeste. Brasília.1986. 215 p.

BRANDENBURG, A. (Org.). Para pensar outra agricultura. Curitiba: UFPR, 1998. p. 239-247.

CAPORAL, Francisco Roberto; COSTABEBER, José Antônio; PAULUS, Gervásio. Agroecologia como matriz disciplinar para um novo paradigma de desenvolvimento rural. Disponível em: https://virtual.unisc.br/presencial/pluginfile.php/476749/mod_resource/content/1/Agroecologia-Conceitos-e-princpios1.pdfAcesso em: out. 2017.

DEPONTI, Cidonea Machado. Contribuições teóricas brasileiras ao debate da agricultura familiar. In: Gedecon, Revista Gestão e Desenvolvimento em contexto, Cruz Alta: Unicruz, v. 2, n 1, (jan/jun), p. 82-102. 2008

EHLERS, E. Agricultura sustentável: origens e perspectivas de um novo paradigma. 2.ed., Guaíba: Agropecuária, 1999. 157 p.

GRAZIANO DA SILVA .J. Progresso técnico e relações de trabalho na agricultura. São Paulo: HUCITEC, 1981. 210 p. (Economia & Planejamento. Série “Teses e Pesquisas”).

________________. Tecnologia e agricultura familiar. Porto Alegre: UFRGS, 1999. 239 p.

________________.A modernização dolorosa: estrutura agrária, fronteira agrícola e trabalhadores rurais no Brasil. Rio de Janeiro: Zahar, 1982. 192 p.

KAIMOWITZ, D. O avanço da agricultura sustentável na América Latina. In: ALMEIDA, J.; NAVARRO, Z. (Org.) Reconstruindo a agricultura: idéias e ideais na perspectiva de um desenvolvimento sustentável. Porto Alegre: UFRGS, 1997. p.56 -71.

MARTINE; Arias. Modernização e emprego no campo. In: MARTINE, G.; GARCIA, R. C. (Org.). Os impactos sociais da modernização agrícola. São Paulo: Caetes, 1987. p. 41-57.

NAVARRO, Z. Desenvolvimento rural no Brasil: os limites do passado e os caminhos do futuro. In: Revista Estudos Avançados, São Paulo, USP, Vol. 16, Nº 44, p. 83-100, 2001.

RAMPAZZO, S. E. A questão ambiental no contexto do desenvolvimento econômico. In: BECKER, D. F. (Org.). Desenvolvimento sustentável: necessidade e/ou possibilidade? Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1997. p. 157-188.

VEIGA, J. E. da. Diretrizes para uma nova política agrária. In: BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Agrário. Reforma Agrária e Desenvolvimento Sustentável. Brasília, 2000. p.19-35.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.