A educação de jovens e adultos e as emergências da contemporaneidade: algumas reflexões / Youth and adult education and contemporary emergency: some reflections

Lívia Andrade Coelho

Abstract


Neste artigo, discutiremos a importância da educação na vida das pessoas jovens e adultas, que historicamente tiveram esse direito negado de alguma forma pelo Estado, assim como a necessidade de se avaliar/discutir os princípios e práticas pedagógicas pensadas e implementadas nessa etapa da educação básica, por conta das exigências da sociedade contemporânea, que também tem demandado por cidadãos com habilidades e competências inerentes ao uso das tecnologias digitais. Isso por que, as práticas pedagógicas na educação de pessoas jovens e adultas - EJA não tem dado conta de atender essa especificidade, como apontam pesquisas realizadas na última década. Esse artigo é fruto de uma pesquisa que foi realizada no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia - UFBA sobre a relação dos alunos da EJA com as tecnologias digitais no cotidiano escolar, onde, entre outras questões, investigamos e analisamos como se dava as relações desses alunos com as tecnologias digitais e de quais formas eles ressignificavam seus saberes e compreensão de mundo a partir dessas relações. Para análise e interpretação dos dados, ao longo deste texto dialogamos com autores como, Arroyo (2003), Di Pierro (2009), Paiva (2003), Ribeiro (2001), Kenski (2003), Bobbio (1992), entre outros. Dos resultados encontrados, destacamos que os alunos da EJA precisam, entre outras coisas, desenvolverem também habilidades e competências a fim de utilizar as tecnologias digitais em sentido mais amplo, não só para o estabelecimento de contato com terceiros como, por exemplo, para a produção e compartilhamento de informações e conhecimentos, visto que se trata de condições mínimas para acompanhar e integrar as dinâmicas que tem caracterizado sociedade atual.

 


Keywords


Educação de Jovens e Adultos. Tecnologias Digitais. Sociedade Contemporânea.

References


ARROYO, M. G. Educação de jovens e adultos: um campo de direitos e de responsabilidade pública. In: SOARES, L. J. G.: GIOVANETTI, M.; GOMES, N.L. Diálogos na Educação de Jovens e Adultos. Belo Horizonte: Autêntica, 1 edição 2005a, p. 19-50.

____. A educação de jovens e adultos em tempos de exclusão. p. 221-230. In: Construção coletiva: contribuições à educação de jovens e adultos. Brasília: UNESCO, MEC, RAAAB, 2005b, 362p.

BOBBIO, N. A era dos direitos. Tradução de Carlos Nelson Coutinho. Rio de Janeiro: Campus, 1992.

DI PIERRO, M. C.; JOIA, O.; RIBEIRO, V. M. Visões da educação de jovens e adultos no Brasil. Cadernos Cedes, ano XXI, nº 55, novembro/2001. Disponível em: Acesso: 21 de set. de 2009.

DI PIERRO, M. C. Nota sobre a redefinição da identidade das políticas públicas de educação de jovens e adultos no Brasil. Educação e Sociedade. Campinas, vol. 26, n. 92, p. 1115-1169, Especial out. 2005.

____. Um balanço da evolução recente da educação de jovens e adultos no Brasil. p. 17-30. In: Construção coletiva: contribuições à educação de jovens e adultos. Brasília: UNESCO, MEC, RAAAB, 2006, 362p.

HADDAD, S. Por uma nova cultura na educação de jovens e adultos, um balanço de experiências de poder local. GT: Educação de jovens e adultos, n. 18, 30ª Reunião da ANPED, Caxambu: 2007.

KENSKI, V. M. Tecnologias e ensino presencial e a distância. Campinas, SP: Papirus, 2003.

MACEDO, R. S. Etnopesquisa crítica, etnopesquisa-formação. Brasília: Liber livro Editora, 2004.

____. A etnopesquisa crítica e multirreferencial nas ciências humanas e na educação. 2ª edição, Salvador. BA: EDUFBA, 2004 297 p.

PAIVA, J. Educação de Jovens e Adultos: continuar e aprender por toda a vida. 2003. Disponível em: Acesso: 16 de nov. de 2016.

RIBEIRO, V. M. M. Educação de jovens e adultos: novos leitores, novas leituras. Campinas, SP: Mercado de Letras, ALB, São Paulo: Ação Educativa, 2001.

RIBEIRO, V. M. M. (Coord.) Educação de jovens e adultos: proposta curricular para o 1º segmento do ensino fundamental. São Paulo: Ação Educativa; Brasília: MEC, 1997.

SCHWARTZMAN, S. As causas da pobreza. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2004

SOARES, L. J. G., GIOVANETTI, M. A. G. de C, GOMES, N. L. Diálogos na educação de jovens e adultos. 2 ed., Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

____. As políticas de EJA e as necessidades de aprendizagem dos jovens e adultos. In: RIBEIRO, V. M. (Org.). Educação de Jovens e Adultos: novos leitores, novas leituras. Campinas: Mercado das Letras, Ação Educativa, 2001.

UNESCO, Alfabetização de jovens e adultos no Brasil: lições da prática. Brasília: 2008




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n9-020

Refbacks

  • There are currently no refbacks.