Remoção da interferência de 60 hz no sinal de ECG usando filtro notch digital / Removal of 60 Hz interference on the ECG signal using digital notch filter

Gustavo Vinícius Duarte Barbosa, Francisco Ricardo Abrantes Couy Baracho, José Ronaldo Tavares Santos, Laerty João dos Santos Damião

Abstract


A interferência de 60 Hz AC pode ser um problema em qualquer situação de medição de biopotencial. A fonte dessa interferência é o potencial AC da rede de alimentação de energia elétrica que está inevitavelmente presente em qualquer situação clínica, ou para iluminação do ambiente ou como fonte de suprimento dos equipamentos de medição.  A interferência causada pela rede elétrica, em 60 Hz, pode ser difícil de detectar visualmente em sinais tendo formas de onda não-regulares, como o EEG ou o EMG. Não obstante, a interferência é facilmente visível quando presente em sinais com formas de onda bem definidas, como é o caso do sinal de ECG (Eletrocardiograma).  Em todo caso, o espectro de potência do sinal deve fornecer uma indicação clara da presença da interferência da rede como um impulso em 60 Hz. Os harmônicos, caso presentes, aparecem como impulsos adicionais em múltiplos inteiros da frequência fundamental. Neste trabalho é demonstrada uma técnica de filtragem, empregando um filtro “Notch” digital, o qual remove o artefato de 60 Hz do sinal de ECG, aumentando a confiabilidade do diagnóstico clínico a partir da interpretação do mesmo.
 

 


Keywords


¾ Filtro Notch – Amplificador de ECG – MATLAB® – Interferência Eletromagnética.

References


Berne., R. M. and Levy., M. N. (1997). Cardiovascular Physiology. Mosby, London.

Chimeno., M. F. and Pallàs-Areny, R. (2000). A comprehensive model for powerline interference in biopotential measurements. IEEE Trans. on Instrumentation and Measurement, 49:535_540.

Huhta., J. C. and Webster, J. G. (1973). 60-hz interference in electrocardiography.IEEE Trans. on Biomedical Engineering, BME-20:91_101.

Nagel, J. (2000). Biopotential amplifiers. In Bronzino, J. D., editor, Heart Rate Variability. Boca Raton:CRC Press LLC.

Rangayyan, R. M. (2002). Biomedical Signal Analysis. Wiley-Interscience.

Spinelli., E. M., Pallàs-Areny., R., and Mayosky, M. A. (2003). Ac-coupled front-end for biopotential measurements. IEE Trans. On Biomedical Engineering, 50: 391-395.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n7-082

Refbacks

  • There are currently no refbacks.