Instrumentos de visualização da informação para avaliação diagnóstica em curso de programação a distância / Information visualization instruments for ongoing diagnostic evaluation of remote programming

Márcia Gonçalves de Oliveira, Ádler Oliveira Silva Neves, Mônica Ferreira Silva Lopes, Helen França Medeiros, Anne Caroline Silva

Abstract


A aprendizagem de programação é um dominio de conhecimento con- siderado de difícil aprendizagem. No entanto, embora as dificuldades de ensino e de aprendizagem de programação sejam temáticas recorrentes em discussões acadêmicas, poucas soluções de fato têm sido desenvolvidas para compreen- der essas dificuldades e nelas intervir de acordo. Com o objetivo de realizar uma avaliação diagnóstica em uma perspectiva multidimensional a partir da análise minuciosa de códigos-fontes desenvolvidos por alunos e de histórico de desempenhos, este trabalho apresenta alguns instrumentos de visualização de informação para auxiliar professores no acompanhamento da aprendizagem de seus alunos na prática da programação. Os resultados de aplicação desses instrumentos em uma turma de programação a distância demonstram que é pos- sível reconhecer, por meio de diferentes variáveis, indicadores de dificuldades de aprendizagem e diferentes classes de perfis de alunos.


Keywords


Visualização da Informação, Análise de Aprendizagem, Programação

References


Almeida Neto, F. A., de Castro, T. H. C., and de Castro Júnior, A. N. (2006). Utilizando o método clínico piagetiano para acompanhar a aprendizagem de programação. In Brazilian Symposium on Computers in Education (Simpósio Brasileiro de Informática na Educação-SBIE), volume 1, pages 527–536.

Berry, R. E. and Meekings, B. A. (1985). A style analysis of c programs. Communications of the ACM, 28(1):80–88.

Card, S. K., Mackinlay, J. D., and Shneiderman, B. (1999). Readings in information visualization: using vision to think. Morgan Kaufmann.

Chao, P.-Y. (2016). Exploring students’ computational practice, design and performance of problem-solving through a visual programming environment. Computers & Educa- tion, 95:202–215.

Curtis, B., Sheppard, S. B., Milliman, P., Borst, M., and Love, T. (1979). Measuring the psychological complexity of software maintenance tasks with the Halstead and McCabe metrics. IEEE Transactions on software engineering, (2):96–104.

Fu, X., Shimada, A., Ogata, H., Taniguchi, Y., and Suehiro, D. (2017). Real-time le- arning analytics for c programming language courses. In Proceedings of the Seventh International Learning Analytics & Knowledge Conference, pages 280–288. ACM.

Jacko, J. A. (2012). Human computer interaction handbook: Fundamentals, evolving technologies, and emerging applications. CRC press.

Karypis, G. (2002). CLUTO:Clustering Toolkit. Technical report, Minnesota Univ Min- neapolis Dept of Computer Science.

Klerkx, J., Verbert, K., and Duval, E. (2014). Enhancing learning with visualization techniques. In Handbook of research on educational communications and technology, pages 791–807. Springer.

Kolde, R. (2015). Pheatmap: Pretty heatmaps. R package version 1.0.8.

Lahtinen, E., Ala-Mutka, K., and Järvinen, H.-M. (2005). A study of the difficulties of novice programmers. In Acm Sigcse Bulletin, volume 37, pages 14–18. ACM.

Mazza, R. and Dimitrova, V. (2007). Coursevis: A graphical student monitoring tool for supporting instructors in web-based distance courses. International Journal of Human- Computer Studies, 65(2):125–139.

Oliveira, M., Nogueira, M., and Oliveira, E. (2015). Sistema de apoio à prática assistida de programação por execução em massa e análise de programas. In CSBC 2015 - Workshop de Educação em Informática (WEI), Recife-PE.

Pissinati, E., Oliveira, M., and Oliveira, E. (2014). Direcionando a atuação do profes- sor através de uma ferramenta de visualização. In Anais da XIV Escola Regional de Computação, Bahia.

Plaisant, C. et al. (2005). Information visualization and the challenge of universal usabi- lity. Exploring Geovisualization, pages 53–82.

Romani, L. (2000). Intermap: Ferramenta para visualização da interação em ambientes de educação a distância na web. Master’s thesis, Universidade Estadual de Campinas, São Paulo.

Schildt, H. and Mayer, R. C. (2006). C completo e total. Pearson.

Tan, P.-H., Ting, C.-Y., and Ling, S.-W. (2009). Learning difficulties in programming courses: undergraduates’ perspective and perception. In Computer Technology and Development, 2009. ICCTD’09. International Conference on, volume 1, pages 42–46. IEEE.

Ware, C. (2012). Information visualization: perception for design. Elsevier.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv5n7-050

Refbacks

  • There are currently no refbacks.