Análise da arrecadação da receita pública dos municípios do Estado de Santa Catarina / Analysis of the collection of public revenue municipalities of the State of Santa Catarina

Gilvane Scheren, Júlio Cesar Araújo da Silva Junior, Celso Galante

Abstract



A análise da arrecadação da receita municipal em períodos de crise econômica que perpassa no momento atual expõe a necessidade de pesquisas que investiguem os principais determinantes da arrecadação e seus impactos na receita pública municipal. Contudo, poucos trabalhados buscam um maior entendimento do comportamento das arrecadações de receitas no Brasil, em especial, a nível municipal para o estado de Santa Catarina. Diante disso, o presente artigo tem o objetivo de analisar o impacto dos principais determinantes da arrecadação no intervalo de 2012 a 2015, para os municípios catarinenses. Os resultados apontaram uma relação positiva entre as receitas tributárias e transferências correntes e a população, o número de empresas e o número de vínculos empregatícios, a depender do tipo de receita avaliado. Além disso, o valor adicionado na agricultura, quando significativo, se mostrou mais impactante nas receitas dos municípios de Santa Cataria do que o de outros setores.


Keywords


Município; Receitas; Setor Público; Dados em Painel

References


ANDERSON, M. C.; BANKER, R. D.; JANAKIRAMAN, S. N. Are selling, general and administrative costs “Sticky”?. Journal of Accounting Research. v. 41, n. 1, p. 47-63, 2003.

AFONSO, J. R. R.; ARAUJO, E. A. A capacidade de gasto dos municípios brasileiros: arrecadação própria e receita disponível. Cadernos Adenauer, São Paulo, n. 4. p. 35-53. abr. 2000.

ANDRADE, N. A. Contabilidade pública na gestão municipal: métodos com base na LC n. 101/2000 e nas classificações contábeis advindas da SOF e STN. São Paulo: Atlas, 2010.

BAIÃO, A. L.; CUNHA, A. S. M. da; SOUZA, S. R. N. de. Papel das Transferências Intergovernamentais na Equalização Fiscal dos Municípios Brasileiros. In. XXXVIII Encontro Nacional da Associação de Pós-Graduação em Administração - Enapad, Anais... Rio de Janeiro, 2014.

BOVO, J. M. Gastos sociais dos municípios e desequilíbrio financeiro. Revista de Administração Pública, v. 35, n. 1, p. 93-117, 2001.

BRASIL. Lei Federal n.° 4.320, de 17 de março de 1964. Estatui Normas Gerais de Direito Financeiro para Elaboração dos Orçamentos e Balanços da União, dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal, 1964.

______. Lei Complementar n.° 101, de 4 de maio de 2000. Estabelece Normas de Finanças Públicas Voltadas para a Responsabilidade Fiscal e Dá Outras Providências, 2000.

COSTA, L. A.; HUPPES, C. M.; SOPRANE, G. A.; MACHADO, E. A. Comportamento da Receita Pública: uma análise dos recursos a disposição das mesorregiões formadas pelos municípios do Estado de Mato Grosso do Sul no ano de 2009. In:XX Congresso Brasileiro de Custos – ABC, 11. 2013. Uberlândia – MG. Anais... Uberlândia: ABC, 2013.

DANTAS, F. C.; ALBUQUERQUE, L. S.; RÊGO, T. F.; CARVALHO, J. R. M.; BATISTA, F. F. O orçamento público como ferramenta efetiva para gestão e controle financeiro da administração pública: uma analise da percepção dos gestores municipais da microrregião de Sousa/PB . Revista Evidenciação Contábil & Finanças, v. 2, n. 1, p. 91-104, 2014.

FÁVERO, L. P.; BELFIORE, P.; SILVA, F. D.; CHAN, B. L. Análise de dados: modelagem multivariada para tomada de decisões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

GIACOMINI, J. Orçamento público. 13. ed. ampl., rev. e atual. São Paulo: Atlas, 2005.

GOUVÊA, M. A.; VARELA, P. S.; FARINA, M. C. Avaliação das relações entre receita tributária e desenvolvimento econômico e social dos grupos 3, 4 e 5 de municípios paulistas, segundo o IPRS: uso da análise multivariada de variância. Revista Eletrônica de Administração, v. 16, n. 2, p. 1-21, 2010.

HAUSMAN, J. A. Specification tests in econometrics. Econometrica: Journal of the Econometric Society, p. 1251-1271, 1978.

JOHNSTON, J.; DINARDO, J. Econometric methods, volume 4. Wiley Online Library, 1972.

MARION, J. C. Contabilidade Empresarial. 16 ed. – São Paulo: Atlas, 2012.

REIS, P. R. C.; COSTA, T. M. T.; SILVEIRA, S. F. R. Receita pública e bem-estar social nos municípios mineiros emancipados no período de 1988 a 1997. REAd. Porto Alegre – – p. 61-82, Edição 74 - N° 1 – jan/abr, 2013.

REIS, A.; ABRANTES, L. A.; FARONI W.;PASSOS, N. L. Comportamento da arrecadação própria e da carga tributária nos municípios da zona da mata mineira. Revista Ambiente Contábil. v. 8. n. 1, jan./jun., 2016.

REZENDE, F. Os Desafios do Federalismo Fiscal. In: REZENDE, F.. (Org.). Desafios do

Federalismo Fiscal. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2006.

RIGHI, M. B.; CERETTA, P. S. Análise Temporal das Receitas da Prefeitura Municipal de Santa Maria. Revista Administração Pública e Gestão Social, v. 7, n. 3, p. 120-130, 2015.

ROSA, M. B. Contabilidade do setor público. São Paulo: Atlas, 2011.

SANTOS, R.G.; FELEMA, J.; NASCIMENTO, S.; FERREIRA, C.; SESSO FILHO, U. A.;

DINIZ, S. S. Análise Espacial das Arrecadações de Impostos Típicos de Municípios, no período de 2000 a 2011, no Estado do Paraná. In: ENCONTRO DE ECONOMIACATARINENSE – CRESCIMENTO E DESINDUSTRIALIZAÇÃO, 7, 2013, Florianópolis. Anais... Florianópolis, v. 7. p. 25-26, 2013.

SANTA CATARINA - Secretária da Fazenda Estadual (SEF-SC). Valor Adicionado dos Municípios. Disponível em: http://www.sef.sc.gov.br/servicos/servico/92/Valor_adicionado _por_ munic%C3%ADpio_e_atividade. Acesso em: 20 fev. 2017.

SANTOS, S. R. T.; ALVES, T. W. O impacto da Lei de Responsabilidade Fiscal no desempenho financeiro e na execução orçamentária dos municípios no Rio Grande do Sul de 1997 a 2004. Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro, v. 45, n. 1, p. 181-208, jan./fev., 2011.

SECRETARIA DO TESOURO NACIONAL (STN). Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público – MCASP. 7 ed., 2016. Disponível em: . Acesso em: 22 fev. 2017.

SOARES, C. S.; FLORES, S. A. M.; CORONEL, D. A. O Comportamento da Receita Pública Municipal: Um Estudo de Caso no Município de Santa Maria (RS). Desenvolvimento em Questão, v. 12, n. 25, p. 312-338, 2014.

STOCK, J. H.; WATSON, M. W. Introduction to econometrics, volume 104. Addison Wesley New York, 2003.

TOMIO, F. R. de L. Federalismo, Municípios e Decisões e Legislativas: A Criação de Municípios no Rio Grande do sul. Revista Sociologia Política, Curitiba, 24, p. 123-148, 2005.

WOOLDRIDGE, J. M. Econometric Analysis of Cross Section and Panel Data. The MIT Press, Cambridge, MA, 2002.

ZONATTO, V. C. S.; HEIN N. Eficácia da previsão de receitas no orçamento dos municípios gaúchos: uma investigação empírica dos exercícios de 2005 a 2009 utilizando a análise de clusters. Revista Estudos do CEPE, Santa Cruz do Sul, v. 1, n. 37, p. 102-131, jan./jun. 2013.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.