Harleyros em Curitiba Traços Culturais, hábitos de consumo e conflitos de gênero / Harleyros in Curitiba Cultural traits, consumption habits and gender conflicts

Álan Rechetelo, Clara Colla Bernardes, François Bénétullière, Victoria Santos Spengler

Abstract


A Harley é uma marca de motocicletas conhecida mundialmente por criar, junto de seus consumidores, um “estilo de vida Harley”, de maneira que os motoqueiros que seguem esse estilo podem ser facilmente identificados. A fim de estudar os hábitos de consumo de Harleyros e a relação deles com a marca, fomos até os bares Street 444, Hacienda Café, Gasoline e Distrito 1340, em Curitiba, Paraná, com o objetivo de realizar uma pesquisa etnográfica com os motoqueiros frequentadores desses bares. Conversando com esses motoqueiros, foi possível constatar que a escolha da marca não é feita com base em seu conforto ou qualidade, mas sim com base no que ela representa para o consumidor e a magia por trás da marca. Da mesma forma, possuir uma moto Harley não basta para “ser um Harleyro”: para entrar em grupos fechados da Harley há rituais que devem ser seguidos. Observou-se também a perpetuação de um meio machista, em que a mulher não é bem-vinda por não atender ao estereótipo da marca.

 


Keywords


Harley-Davidson; Hábitos de consumo; Arquétipo; Mito; Gênero.

References


CLEMENT, Fabrice, Les Mécanismes de la crédulité. Librairie Droz, Genève, 2006.

URL : https://www.cairn.info/les-mecanismes-de-la-credulite--9782600010306-page-255.htm

KOSMANN, Guilherme. ESTRATÉGIAS DE MARKETING: um estudo sobre o mercado de luxo. - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2009

LIPOVETSKY, G. & ROUX, E. O Luxo Eterno: Da idade do sagrado ao tempo das marcas, São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

MACHADO SANTOS, Cíntia, Mitologia da Marca: Imagens do inconsciente coletivo e diferentes perspectivas para a criação de estratégia de marketing - Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2014.

TEJON, José Luiz, PANZARANI, Roberto, MEGIDO, Victor. Luxo for All: Como atender aos sonhos e desejos da nova sociedade global. 1. ed. São Paulo: Editora Gente, 2010.

TURBE, Sophie, Puissance, force et musique métal ; Quand les filles s’approprient les codes de la masculinité, Ethnologie française 1/2016 (N° 161), p. 93-102.

Z. GLABOW, Leonardo. A LOVEMARK HARLEY-DAVIDSON: uma construção sob a perspectiva da publicidade e dos seus consumidores. – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2016

Harley-Davidson para mulheres. Verdade, mito ou a mais pura bobagem? Disponível em: http://club1903motorcycles.com.br/blog/2017/07/06/harley-davidson-para-mulheres/ Acesso: 25/06/2018


Refbacks

  • There are currently no refbacks.