A atuação do enfermeiro na saúde indigena: uma análise integrativa da literatura / Nurses 'performance in indigenous health: an integrative analysis of the literature.

Janayna Araújo Viana, Dáila Morais Cipriano, Maikon Chaves de Oliveira, Ana Maria da Costa Teixeira Carneiro, Renata de Sá Ribeiro, Marcela de Oliveira Feitosa, Maria das Dores de Sousa Cavalcante, Marcia Guelma Santos Belfort, Francisco Dimitre Rodrigues Pereira

Abstract


O presente estudo aborda quanto à Atuação do Enfermeiro na Saúde Indígena, procurando descrever a assistência de enfermagem nos serviços de saúde indígena. Tendo por objetivo geral: investigar a atuação do enfermeiro na saúde indígena, segundo a percepção da literatura. E objetivos específicos: caracterizar a literatura consultada acerca da atuação do enfermeiro na saúde indígena; identificar as ações realizadas pelos enfermeiros no campo de saúde indígena, a partir da literatura consultada; e identificar as dificuldades encontradas pelos enfermeiros frente à assistência oferecida à população indígena, a partir da literatura consultada. Quanto a metodologia do presente estudo, optou-se pela pesquisa do tipo revisão bibliográfica de cunho exploratório, com abordagem quantitativa – qualitativa. Utilizou-se como método de coleta para o estudo, as bases de dados LILACS (literatura latino Americano de Ciências da Saúde), Scielo (Scientific Eletronic Libray Online) e BVS (Biblioteca Virtual de Saúde). Considerando como critérios de seleção das obras, ano de publicação entre 2000 a 2016, pesquisas realizadas no Brasil em qualquer região do país, e como descritores em saúde: enfermagem em saúde indígena, saúde indígena, e assistência ao índio. Buscou-se através desta pesquisa conhecer as práticas e cuidados fornecidos pelo enfermeiro dentro do subsistema de saúde indígena, além de conhecer as características e divisões do DSEI (Distrito Sanitário Especial Indígena). Através das obras selecionadas foi possível analisar a atuação da enfermagem junto a equipe de saúde, além das dificuldades de atuação encontradas pelos profissionais da equipe multidisciplinar de saúde indígena. Durante o período de seleção das obras a maior dificuldade para o desenvolvimento do estudo, foi a precária oferta de obras publicadas contendo como tema central a assistência desenvolvida pelos enfermeiros na atenção à saúde indígena. Por isso, percebe-se a importância deste estudo e a necessidade de mais pesquisas envolvendo a saúde indígena na atuação da enfermagem, pois sabe-se que a presença do enfermeiro junto as aldeias indígenas torna-se crucial para o desenvolvido de um cuidado voltados para os cumprimentos dos princípios do SUS (Sistema Único de Saúde) universalidade, integralidade e equidade.

 

 


Keywords


Saúde Indígena, Atenção Básica, Assistência de Enfermagem.

References


BERTANHA, W. de F. F. Atenção À saúde Bucal nas comunidades Indígenas: Evolução e Desafios uma Revisão de literatura. Revista Brasileira de ciências da saúde [internet], v.18, n. 1, 2012, p. 105-112.

CHAVES, M. de B. G.; CARDOSO, A. M.; ALMEIDA, C.; Implementação da política de saúde indígena no Pólo-base Angra dos Reis, Rio de Janeiro, Brasil: entraves e perspectivas. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 22, n. 2, 2006, p. 295-305. Disponível em: . Acesso em: 07. Nov. 2016.

GARNELO, L., Aspectos socioculturais de vacinação em área indígena. História,

Ciências, Saúde – Manguinhos. v. 18, n. 1, Jan-mar, p. 175-190. 2011.

______, Política de Saúde Indígena no Brasil: notas sobre as tendências atuais do processo de implantação do subsistema de atenção à saúde. In: GARNELO. L., PONTES, A.L. (Org.). Saúde Indígena: uma introdução ao tema. Ed. 22, Brasília, FIOCRUZ, 2012, nº 5, cap. 1.

GARNELO, L. e SAMPAIO, S. Bases sócio-culturais do controle social em saúde indígena. Problemas e questões da região norte do Brasil. Rio de Janeiro, jan - fev, 2003.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Ministério da Saúde. Disponível em:< http://indigenas.ibge.gov.br/graficos-e-tabelas-2.html> Acesso em: 05 mar. de 2019.

LIMA, M. do R. de A. et al. Atuação de enfermagem sobre práticas de cuidados afrodescendentes e indígenas. Revista Brasileira de Enfermagem – REBEn [internet], v. 69, n. 5, Nov-dez, 2016, p. 840-846.

LOUZADA, J.; LOPES NETO, D. Abordagem crítico-interpretativa das fragilidades e potencialidades e potencialidades do Trabalho de enfermagem aos ianomâmis, Amazonas. Revista Enfermagem em foco [internet], v. 1, n. 2, 2010, p. 42-45.

NOBREGA, R. G. et al; Organização do serviço de controle da tuberculose em distrito sanitário especial indígena Potiguara. Rev. Eletr. Enf., Goiânia, v. 15, n. 1, mar, 2013, p. 88-95. Disponível em . Acesso em: 07. nov. 2016.

OLIVEIRA, J. W. B.; AQUINO, J. M.; MONTEIRO, E. M. L. M.; Promoção da saúde na comunidade indígena Pankarau. Revista Brasileira de Enfermagem – REBEn [internet], Brasília, v. 65, n. 3, mai-jun, 2012, p. 437-444.

RIBEIRO, A. A.; FORTUNA, C. M.; ARANTES, C. I. S.; O Trabalho de Enfermagem em uma Instituição de Apoio ao Indígena. Texto Contexto Enfermagem, Florianópolis, v. 24, n. 1, jan-mar, 2015, p. 138-145.

RISSARDO, L. K. et al. Práticas de cuidado ao idoso indígena – atuação dos profissionais de saúde. Revista Brasileira de Enfermagem – REBEn [internet], v. 67, n. 6, Nov-dez, 2014, p. 919-927.

RISSARDO, L. K.; CARREIRA, L.; Organização do Serviço de Saúde e cuidado ao idoso indígena: sinergias e singularidades do contexto. Revista Brasileira de Enfermagem – REBEn [internet], v. 48, n. 1, 2014, p. 73-81.

SILVA, N. C da; GONÇALVES, M. J. F.; LOPES NETO, D. Enfermagem em Saúde Indígena: aplicando as Diretrizes Curriculares. Revista Brasileira de Enfermagem- REBEn [internet], Brasília (DF), v. 56, n. 4, jul-ago, 2003, p. 388-391.

VARGAS, K. D. et al; A (des) articulação entre os níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis do Distrito Sanitário Especial Indígena de Cuiabá-MT. Revista de Saúde Coletiva [internet], Rio de Janeiro, vol.20, n.4, 2010, p.1399-1418.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n2%20-065

Refbacks

  • There are currently no refbacks.