Perfil Socioeconômico, Demográfico e Clínico de Crianças Atendidas em um Serviço de Referência em Neurodesenvolvimento no Município de Vitória de Santo Antão- PE / Socioeconomic, Demographic and Clinical Profile of Children Attended at a Neurodevelopmental Reference Service in the Municipality of Vitória de Santo Antão-PE

José Erivaldo Gonçalves, Francisco de Assis Coutinho Pontes Júnior, Maysa Kelly de Lima, Leidyanne Soares Gomes, Liliane Soares Gomes, Laís Nascimento de Melo Silva, Maria Amélia de Souza, Anderson Thiago Monteiro da Silva

Abstract


Objetivo: conhecer o perfil socioeconômico, demográfico e clínico das crianças atendidas em um serviço de referência no atendimento à criança com atraso no neurodesenvolvimento. Método: trata-se de pesquisa exploratória descritiva do tipo documental e retrospectiva com abordagem quantitativa, realizada no Núcleo de Assistência Multidisciplinar ao Neurodesenvolvimento Infantil (NAMNI) da Associação de Proteção a Maternidade e a Infância da Vitória de Santo Antão – APAMI Vitória. A amostra foi composta por todas as crianças atendidas no serviço (n=194). Utilizou-se um instrumento estruturado e preenchido através do prontuário e de fichas cadastrais. Resultados: verificou-se que a maioria das famílias possuía renda mensal de até um salário mínimo. Notou-se que a maioria dos responsáveis possui ensino médio completo. Entre as crianças, o principal diagnóstico foi o Transtorno do Espectro Autista (TEA). Conclusão: pôde-se concluir que o perfil socioeconômico dos pacientes atendidos no núcleo é predominantemente de baixa renda, com nível médio de escolaridade e que não pode pagar por um tratamento particular.


Keywords


Saúde da criança, Saúde pública, Neurodesenvolvimento, Criança, Perfil de saúde, Epidemiologia

References


Ministério da Saúde (Brasil), Secretaria de atenção à saúde, Diretrizes de estimulação precoce: crianças de zero a 3 anos com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor decorrente de microcefalia. Brasília: Ministério da Saúde [internet]. 2016 [Acesso em 2018 Jan 20]; Available from: http://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2016/janeiro/13/Diretrizes-de-Estimulacao-Precoce.pdf

Dornelas LF, Duarte MNC, Magalhães LC. Atraso do desenvolvimento neuropsicomotor: mapa conceitual, definições, usos e limitações do termo. Rev Paul de Ped. Sociedade de Pediatria de São Paulo [internet]. 2015 [Acesso em 2018 Jan 20]; 33(1): 88–103. Available from: http://dx.doi.org/10.1016/j.rpped.2014.04.009

Zago JTC, Pinto PAF, Leite HR, Santos JN, MRLS. Associação entre o desenvolvimento neuropsicomotor e fatores de risco biológico e ambientais em crianças na primeira infância. Rev. CEFAC [Internet]. 2017 June [Acesso em 2018 Jan 23]; 19(3): 320-329. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462017000300320&lng=en

Leal SL, Silva RLM, Aita KMSC, Monteiro RP et al. Avaliação do desenvolvimento motor em crianças portadoras de cardiopatia congênita. Int J Cardiovasc Sci [Internet].2016 [Acesso 2018 Jan 20]; 29(2): 103–9. Available from: http://www.onlineijcs.org/english/sumario/29/pdf/v29n2a04.pdf

Costa NR, Marcelino MA, Duarte CMR et al. Proteção social e pessoa com deficiência no Brasil. Rev Cien Saude Colet [Internet]. 2016 [Acesso em 2018 Jan 25]; 21(10): 3037–47. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csc/v21n10/1413-8123-csc-21-10-3037.pdf

United Nations Children's Fund.The State of the World's Children 2016, A fair chance for every child. UNICEF; 2016 [internet]. [Acesso em 2018 Jan 25]; Available from: https://www.unicef.org/sowc2016/

Sara BJ, Jenna LR, Kimberly GN. State of the Art Review: Poverty and the Developing Brain. Pediatrics [internet] 2016 [Acesso em 2018 Jan 25]; 137 (4). Available from: https://pediatrics.aappublications.org/content/pediatrics/137/4/e20153075.full.pdf

Instituto brasileiro de geografia e estatística. Ministério do planejamento, orçamento e gestão. Censo demográfico 2010, características gerais da população, religião e pessoas com deficiência. Rio de Janeiro: [internet] 2010 [Acesso em 2018 Jan 25]. Available from: https://censo2010.ibge.gov.br/

Castro CB, Jaime L, Sakae MT, Magajewski DRL. Aspectos sociodemográficos, clínicos e familiares de pacientes com o transtorno do espectro autista no sul de Santa Catarina. Ver Brasileira de Neurologia [internet]. 2016 [Acesso em 25 de Jan de 2018]; 52 (3). Available from: https://revistas.ufrj.br/index.php/rbn/article/view/5185

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo de 2016. Brasil: IBGE [internet]. 2016 [Acesso em 2018 Fev 14]; Available from:https://www.ibge.gov.br/

Delgado L, Montes R, Prieto JÁ. Prevalence of psychomotor retardation and its relation to the sensory profile in preschool children. Journal of Human Growth and Developmente [internet]. 2016 [Acesso em 2018 Fev 14]; 26 (3): 323-330. Avaliable from: https://www.revista.usp.br/jhgd/article/view/122815/119535

Silva, Engstron EM, Miranda CT. Fatores associados ao desenvolvimento neuropsicomotor em crianças de 6-18 meses de vida inseridas em creches públicas do Município de João Pessoa, Paraíba, Brasil. Caderno de Saúde Pública. [Internet]. 2015 [Acesso em 2018 Fev 14]; 31(9): 1881–93. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2015000901881

Brasil. Constituição da república federativa do Brasil [internet]. 2012 [Acesso em 2018 Fev 14]. Available from: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm

Coutinho BG, França IXS, Coura AS, Medeiros KKAS, Aragão JS. Qualidade de vida no trabalho de pessoas com deficiência física. Trabalho, educação e saúde [internet]. 2017. [Acesso em 2018 Fev 14]; 15 (2): 561-573. Avaliabre from: http://www.scielo.br/pdf/tes/v15n2/1678-1007-tes-1981-7746-sol00061.pdf

Frota MA, Andrade SI, Santos ZMSA, Silva CAB, Fernandes AFC. Perfil sociodemográfico familiar e clínico de crianças com Cardiopatia Congênita Atendidas em uma Instituição Hospitalar. Rev Bras Promoç Saúde [internet]. 2014 [Acesso em 2018 Fev 16]; 27(2): 239-246. Available from: https://periodicos.unifor.br/RBPS/article/view/2399

Fundação Instituto Oswaldo Cruz. Inquérito nacional sobre parto e nascimento, nascer Brasil, sumário executivo temático da pesquisa. Brasil: FIOCRUZ [Internet]. 2014 [Acesso em 2018 Fev 16]; Available from: http://www.ensp.fiocruz.br/portal-ensp/informe/site/arquivos/anexos/nascerweb.pdf

Rocci, E, Fernandes Q, Aurea R. Dificuldades no aleitamento materno e influência no desmame precoce. Rev Brasileira de Enfermagem [internet]. 2014 [Acesso em 2018 Fev 18]; 67 (1): 22-27. Avaliable from: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=267030130003

Miotto MB, Helena M, Caxias P, Fernanda, Campos KS, Maria D et al. Aleitamento materno como fator de proteção contra a instalação de hábitos bucais deletérios. Revista CEFAC [internt] 2014 [Acesso em 2018 Fev 18]; 16(1) 244-251. Available from:

Organização Mundial da Saúde. Classificação estatística internacional de doenças e problemas relacionados à saúde. CID-11. 11. Ed. rev. São Paulo: OMS [internet] 2016 [Acesso em 2018 Fev 20]; Available from: https://icd.who.int




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n2-019

Refbacks

  • There are currently no refbacks.