Assistência ao portador da má formação de fissura labiopalatina/ Assistance to the labiopalatine crack holder carrier

Margarida Milena Viana Morais, Jessica Brito Rodrigues, Leticia Samara Pereira Silva, Sandra Fernandes da Silva

Abstract


INTRODUÇÃO: A síndrome da trissomia do cromossomo 13 é a terceira trissomia autossômica mais comum ao nascimento, sabe-se que as alterações do número ou estrutura dos cromossomos são uma das principais causas de anomalias e deficiência intelectual. Dentre as anomalias craniofaciais mais comuns estão o lábio leporino e a fenda palatina que podem acometer o lábio, o palato ou ambos e constituem uma das malformações mais frequente na região cabeça e pescoço. Os indivíduos com fissuras labiopalatais podem ainda apresentar problemas com a alimentação, a fala, a audição e a interação social. OBJETIVO: Identificar as manifestações clínicas e a assistência disponível das fissuras labiopalatais (FLP). MÉTODO: Trata-se de uma pesquisa bibliográfica na perspectiva de uma revisão integrativa da literatura. Foram escolhidos e revisados títulos e resumos dos artigos selecionados os quais possuíam texto completo disponível na língua portuguesa, no período entre novembro/2001 a maio/2018, nas bases de dados Scielo, Bdenf e BVS. Foram incluídos estudos com ênfase na assistência à criança com fissura de lábio e/ou palato, com o idioma português e inglês. Excluíram-se produções cientificas que não possuíam a metodologia bem clara, artigos que não apresentavam resumo nas bases de dados escolhidas, que apresentavam repetições nas diferentes bases, assim como relato de casos de complicações pós cirúrgicos. RESULTADOS: Totalizando 14 artigos analisados, a amostra constituiu-se de diversas áreas do conhecimento em saúde. De modo geral, na produção cientifica foram abordados temas como qualidade de vida pré e pós correção cirúrgica, aleitamento materno (alimentação), autoestima, relação entre o tabagismo materno, influência da escola na vida e nos cuidados com a saúde de crianças e adolescentes, higienização oral, problemas comportamentais e cuidados odontológicos da criança com fissuras labiopalatais. No material escolhido, notamos a importância de uma equipe multidisciplinar no cuidado dos portadores de fissura labiopalatais, profissionais especializados em otorrinolaringologia, odontologia, fonoaudiologia, psicologia, clínica médica, fisioterapia, enfermagem, nutrição, cirurgia plástica, serviço social e anestesia, além do atendimento familiar.  CONCLUSÃO: É importante enfatizar que as melhorias na qualidade de vida dos portadores de FLP são viabilizadas pela visão holística do cuidado e integração da equipe multidisciplinar. A equipe de enfermagem, exerce papel significativo na assistência dos portadores de fissuras labiopalatais, por participar no cuidado direto, agem como uma figura de ligação entre a equipe e a família. Notamos, na literatura a escassez de estudos nacionais sobre essa má formação que afeta o indivíduo por completo, desde à aparência à abalo psicológico.


Keywords


Síndrome da trissomia do cromossomo 13, Fissura palatina e Fenda labial.

References


ANDRADE, de Denise; ANGERAMI, Emília Luígia Saporiti. A auto-estima em adolescente com e sem fissuras de lábio e/ou de palato. Botucatu, 2001

BELUCI, Marli Luiz; GENARO, Katia Flores. Qualidade de vida de indivíduos com fissura labiopalatina pré e pós-correção cirúrgica da deformidade dentofacial. São Paulo, 2016

BRASIL. Ministério da Saúde. Fissura lábio-palatal e lábio leporino. Disponível em: . Acesso em: 03 de junho de 2019

DUARTE, Giesse Albeche; RAMOS, Ramon Bossardi; CARDOSO, Maria Cristina de Almeida Freitas. Métodos de alimentação para crianças com fissura de lábio e/ou palato: uma revisão sistemática. Porto Alegre, 2015

KAMAL, Manoj et al. Anestesia em criança operada para lábio leporino associado à síndrome de Patau. Revista brasileira de anestesia,2016.

LIMA, Leonardo Santos et al. Prevalência de sintomas depressivos em pacientes com fissuras labiopalatinas. Belo Horizonte, 2014

MARTELLI, Daniella Reis Barbosa et al. Associação entre tabagismo materno, gênero e fendas labiopalatinas. Belo Horizonte, 2014

MARTINS, Talitha Uliano; ZERBETTO, Sônia. Regina;

DUPAS, Giselle. Mecanismo de Empowerment Utilizados Pela Família de uma Criança com Fissura Labiopalatina para uma Trajetória. Indaiatuba, 2013

SANTOS, Kelen Cristina Ramos et al. Cuidados à criança com fissura labiopalatina: Uma revisão integrativa. Porto Alegre, 2014

SILVA, Cintia Magali et al. A Escola na Promoção da Saúde de Crianças com Fissura Labiopalatal. Florianópolis, 2013

SILVA, Francislaine da Silva; RODRIGUES, Olga Maria Piazentin Rolim. Avaliação do repertório de habilidades sociais em crianças com fissura labiopalatina. Bauru, 2015

SILVA, Francislaine da Silva; RODRIGUES, Olga Maria Piazenti Rolim; LAURIS, José Roberto Pereira. Problemas Comportamentais em Crianças Pré-Escolares com Fissura Labiopalatina. Bauru, 2016

TAVANO, Rafael D’Aquino et al. Força de mordida em pacientes com fissura labiopalatina reabilitados proteticamente. Bauru, 2015

TRETTENE, Armando dos Santos; et at. Aleitamento materno em lactentes com fissura labiopalatina. Bauru, 2018

TRETTENE, Armando dos Santos et al. Carga de trabalho de enfermagem em Unidade de Terapia Semi-intensiva especializada: critérios para dimensionamento de pessoal. Bauru, 2015.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n1-015

Refbacks

  • There are currently no refbacks.