Estresse ocupacional em profissionais enfermeiros: revisão literária / Occupational stress in professional nurses: literary review

Maria Josilene Castro de Freitas, Fernanda Araújo Trindade, Dandara de Fátima Ribeiro Bendelaque, Gisely Nascimento da Costa Maia, Marcielle Ferreira da Cunha Lopes, Roberta Nathalie Oliveira Silva, André Carvalho Matias, Raylana Tamires Carvalho Contente

Abstract


As diferentes e novas formas organizativas do processo de trabalho passam por alterações complexas, profundas e sofisticadas, refletindo na saúde dos trabalhadores, e alguns ambientes laborais são mais propensos para desenvolver doenças ocupacionais, sobretudo a área da saúde, e com maior potencial para o adoecimento por estresse. O estresse é caracterizado como um processo psicofisiológico gerando sintomas de irregularidades hormonais. Os enfermeiros são os mais expostos por diversos fatores, tais como, sobrecarga de trabalho, principiantes em início de carreira, as condições inadequadas para o desempenho da atividade profissional, a relação com paciente, conflitos interpessoais com outros profissionais, e óbito de pacientes, interferindo tanto na vida pessoal quanto profissional.


Keywords


Estresse ocupacional, Promoção da saúde, Enfermagem.

References


ANDRADE, M. C.; SIQUEIRA JUNIRO, A. C. Estresse ocupacional no serviço de atendimento móvel de urgência. Rev. Min. Enfermagem, v. 18, n. 2, p. 376-383, 2014.

IM de Moraes Filho. V. 29, n.3 -2016 Estresse ocupacional no trabalho em enfermagem no Brasil: uma revisão integrativa. http://periodicos.unifor.br/RBPS/article/view/4645

Revista Brasileira de Ciências da saúde, vol. 20, n. 4, p. 341-346, 2016. ISSN 1415-2177

Revista Cultural e Científica do UNIFACEX. V.14, n. 2, 2016. ISSN: 2237- 8685.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv2n4-080

Refbacks

  • There are currently no refbacks.