Epidemiologia dos óbitos infanto juvenis por câncer na Paraíba / Epidemiology of infant juvenile occupations by cancer in Paraiba

Mattheus de Luna Seixas Soares Lavor, Raquel Lopes Cavalcanti, Perilo Rodrigues de Lucena Filho, Arnaldo Alves de Azevedo Neto, Maria Clara Soares Lavor Nunes, Rafaela Luna Fernandes, Gabriela Luna Fernandes, Rodolfo Barbosa de Freitas

Abstract


INTRODUÇÃO:O câncer é a segunda causa de morte por doença infato-juvenil no Brasil. Este trabalho visa avaliar os casos de câncer infanto-juvenil (CIJ) no Brasil, no Nordeste e na Paraíba e associar com outros relatos e publicações em Literatura. METODOLOGIA:Trata-se de um estudo descritivo, com base nos dados disponibilizados pelo INCA, referentes ao período de 1984 a 2014, no Brasil, Nordeste e Paraíba. Os cânceres foram coletados segundo categoria CID-10 (C00 a C97). No Brasil, as leucemias são a primeira causa de CIJ, seguido pelo de encéfalo e ossos e articulações. Porém a primeira e terceira posições apresentam um comportamento estável durante os 30 anos estudados. Já o CIJ de encéfalo vem crescendo e chegando ao dobro dos números nos últimos anos. No nordeste, a terceira posição é o linfoma não-hodgkin, porém apresentando uma diminuição dos casos ao longo dos anos. Na Paraíba, localização primária desconhecida é terceira colocada, triplicando o número de casos atualmente. RESULTADOS E CONCLUSÃO:São poucos os estudos epidemiológicos sobre CIJ no Brasil e quase inexistentes quando trata-se de nordeste e da Paraíba. Nos 15 primeiros anos do estudo foram registrados 38285, 7432, 556 casos de CIF no Brasil, no nordeste e na Paraíba, respectivamente, e nos últimos 15 anos 46685, 13324 e 914 casos, representando crescimento de 1,21, 1,80 e 1,65. Impressiona o crescimento maior no número de CIF no nordeste e na Paraíba em comparação ao Brasil.

 


Keywords


Epidemiologia; Câncer; Infanto; Juvenil.

References


CAMARGO, B. D. et al. Câncer na criança e no adolescente no Brasil dados dos registros de base populacional e de mortalidade. Rio de Janeiro, Instituto Nacional do Câncer, 2008.

BRAGA, Patrícia Emília et al. Câncer na infância: análise comparativa da incidência, mortalidade e sobrevida em Goiânia (Brasil) e outros países. Cadernos de Saúde Pública, v. 18, p. 33-44, 2002.

DA SILVA, Denise Bousfield; PIRES, M. M.; NASSAR, Silvia Modesto. Câncer pediátrico: análise de um registro hospitalar. J Pediatr (Rio J), v. 78, n. 5, p. 409-14, 2002.

GUERRA, Maximiliano Ribeiro et al. Risco de câncer no Brasil: tendências e estudos epidemiológicos mais recentes. Rev bras cancerol, v. 51, n. 3, p. 227-34, 2005.

PARKIN, D. Maxwell et al. The international incidence of childhood cancer. International Journal of Cancer, v. 42, n. 4, p. 511-520, 1988.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.