Evolução de carcinoma basocelular de pálpebra não tratado evoluindo para exenteração da órbita / Evolution of basocellular carcinoma of untreated pathoplasol evolving for original exception

Yuri Ribeiro Carneiro, Juliana Chianca Neves, Yure Augusto Souza Fonseca Oliveira, Flávia Callou Tavares, Matheus Torres Muniz, Josias Torres de Siqueira Filho, Rebeca Alecrim Bessa, Alisson Fernando Almeida e Silva

Abstract


Introdução: O Carcinoma Basocelular (CBC) é o tumor de pele mais comumdos tumores malignos de pálpebra. No Brasil, é comum o paciente procurar tratamento tardiamente levando à probabilidade de lesões mais extensas. Nessa perspectiva, no caso em questão não houve tratamento adequando por escolha do paciente piorando o prognostico e sendo necessário exenteração da orbita.Objetivo: Demostrar a evolução de um Carcinoma Basocelular(CBC) palpebral não tratado.Metodologia: Foi feito um estudo retrospectivo com análise do prontuário. Analisando sua queixa, seu exame físico, sua imunohistoquímica como o anatomopatológico para o diagnóstico e seu tratamento..Resultados:JEA, masculino, 65 anos de idade procurou no dia 11/08/2008 serviço de oftalmologia da Clinica Integrada de olhos em Fortaleza/CE apresentando uma massa tumoral de aproximadamente 1cm na região medial da pálpebra inferior esquerda. Foi orientado a fazer exérese da lesão, porem optou por não se submeter a cirurgia. No dia17/08/2017, aproximadamente 9 anos depois, retornou ao consultório oftalmológico com a massa tumoral extremamente crescida afetando além da região palpebral inferior a orbita e os seios da face. Mediante a gravidade da lesão e a confirmação diagnostica histopatológica o paciente foi conduzido ao tratamento cirúrgico mais radical com exenteração da orbita, limpeza cirúrgica nos seios acometidos e esvaziamento ganglionar. Atualmente, paciente encontrasse em tratamento com radioterapia.Conclusão:O presente caso ilustra a importância de um diagnostico e tratamento precoce dos Carcinomas de pele. Se feito de maneira precoce consegue se realizar um tratamento curativo menos invasivo.Demostrando que o descaso pode gerar consequências drásticas.Descritores: Carcinoma Basocelular, Negligencia do Paciente; exeteração de Órbita.

 


Keywords


Carcinoma Basocelular, Negligencia do Paciente; exeteração de Órbita.

References


Soares EHS, Belo CV, Reis AKLB, Nunes RR, Mason EM. Tumores malignos da pálpebra. ArqBrasOftal 2001; 64:287-9.

Schellini SA, Costa JP, Cardilo JA, Paro, PT, Marques MEA, Silva MRB. Neoplasias malignas das pálpebras na Faculdade de Medicina de Botucatu. Rev Bras Oftalmol 1990;49:47-53.

Aurora AL, Blodi FC. Lesion of the eyelids: a clinicopathologi- cal study. SurvOphthalmol 1970;15:94-104.

Pereira IC, Schellini SA, Marques MEA, Padovani CR, Padovani CRP. Aspectos do carcinoma basocelular palpebral na região de Botucatu (SP). ArqBrasOftal 2000;63:58.

Ishi LA, Pereira IC, Schellini SA, Marques MEA, Padovani CR. Carcinoma basocelular da pálpebra- fatores relacionados com a recidiva tumoral. AnBrasDermatol. 2004;79(4):423-30.


Refbacks

  • There are currently no refbacks.