Análise da prevalência das crianças que necessitam de óculos em São João dos Patos, Maranhão, Brasil - Projeto Visão do Escolar / Analysis of the prevalence of children who need glasses in São João dos Patos, Maranhão, Brazil - Project Visão do Escolar

Yuri Ribeiro Carneiro, Juliana Chianca Neves, Yure Augusto Souza Fonseca Oliveira, Flávia Callou Tavares, Matheus Torres Muniz, Josias Torres de Siqueira Filho, Rebeca Alecrim Bessa, Alisson Fernando Almeida e Silva

Abstract


Objetivos: Detectar a prevalência de crianças e adolescentes escolares que apresentam ametropias São João dos Patos, Maranhão.Métodos: Estudo Epidemiológico levantado após atendimento na Clínica de Olhos São João localizada em São João dos Patos, Maranhão, totalizando 39 pacientes entre 3 e 11 anos. Estes passaram por uma triagem realizada por professores que realizaram o exame de acuidade visualutilizando a tabela de Snellen. Após a triagem, os alunos passaram por um exame oftalmológico completo na Clínica. A seguir, foram avaliados quanto a idade, o gênero e necessidade ou não de lentes corretivas. Resultados: A amostraconstituída por 39 pacientes, dos quais 19 (48,7%) precisavam de correção enquanto 20 (51,3%) não precisavam. Dentre eles, 11 eram do sexo masculino, e 8 destes (72,7%) apresentaram a necessidade de correção visual. Entre as 28 avaliadas do sexo feminino, 11(39,3%) necessitavam da correção. Com relação a faixa etária, os escolares foram a maioria dos que careciam de lentes corretivas, com 13 (68,4%) casos. Conclusão: Embora ainda necessite de aperfeiçoamentoo projeto Visão do Escolar tem muita relevância para a população local por facilitar o acessoàsaúdeocular,melhorando o rendimento acadêmico, além de melhorar a qualidade de vida dos alunos.Descritores: Acuidade visual; Prevalência; Ametropias; Refração; Saúde Escolar; Saúde Ocular; Rendimento Escolar.

 


Keywords


Acuidade visual; Prevalência; Ametropias; Refração; Saúde Escolar; Saúde Ocular; Rendimento Escolar.

References


Granzoto JA, Ostermann CSPE, Brum LF, Pereira PG, Granzoto T. Avaliação da acuidadevisualemescolaresda1asériedoensinofundamental.ArqBrasOftalmol, 2003; 66(2):167-71.

NettoAD,SilvanoRE,MullerTPS,SiewertMC,ThiesenEB,CoelhoEM.Prevalência de baixa acuidade visual em alunos de uma escola da rede pública de Florianópolis/SC. Arquivos Catarinenses de Medicina Vol. 35, no 3, de 2006.76-81

RussHHA,TemporiniER,Kara-JoséN.Impactodacampanhaolhonoolhoemescolas de ensino fundamental percepção do pessoal de ensino. Arq Bras Oftalmol, 2004; 67(2):311-21.

Sloane, AE & Rosenthall P. School vision testing. Arch. Ophthal., 64:763-70, 1965


Refbacks

  • There are currently no refbacks.