A música como recurso didático-pedagógico para o ensino dos ácidos nucleicos / The music as a didactic-pedagogical resource for nucleic acids teaching

Gabriel Soares Pereira, Claudia Rohde

Resumo


A linguagem musical enquanto forma de expressão artístico-cultural traz consigo uma gama de informações difundidas pelo autor a partir das letras e sons que constituem a sua música, nesta perspectiva, enquanto ferramenta de ensinagem, pode agregar a si os múltiplos saberes intrínsecos ao componente curricular qual se propõe a contemplar. No lecionar das Ciências Biológicas, os docentes encontram o grandioso desafio de trabalhar os saberes da Genética fazendo uso de conceitos outrora depreendidos pelos educandos em anos anteriores, contudo, nem sempre estes termos-chaves estão verdadeiramente concretizados pelos educandos, o que demanda uma abordagem objetiva e diferenciada. Frente a esta realidade o presente estudo busca desenvolver uma obra musical capaz de reapresentar os conceitos essenciais acerca dos ácidos nucleicos, aos discentes do terceiro ano do Ensino Médio, quando da abordagem do conteúdo de Genética pelo professor de Biologia. O produto evidenciado apresentará intrínseco a si informações acerca da composição das moléculas de DNA e RNA, bem como suas características principais, no intuito de evidenciar a eficácia da música para o ensino da Biologia, aos professores leitores deste trabalho e aos educandos que vivenciarem, enquanto público-alvo, a adoção do recurso didático-pedagógico em tela.


Palavras-chave


Música na educação, Ácidos nucleicos, Ensinagem.

Texto completo:

PDF

Referências


LORENTZ, D. C. O papel da música na educação infantil. Revista Eventos Pedagógicos, v.6, n.4, Sinop – MS, p.100-108, 2015. Disponível em: < http://sinop.unemat.br/projetos/revista/index.php/eventos/article/view/2010/1605 >.

MASSINI-CAGLIAR, G. Da legitimidade de textos poéticos musicados como fonte para o estudo da prosódia de tempos passados do português: O exemplo das cantigas medievais galego-portuguesas. DELTA: Documentação de Estudos em Linguística Teórica e Aplicada, v.30, n.2, São Paulo – SP, p.289-308, 2014. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/delta/v30n2/0102-4450-delta-30-02-0289.pdf >.

MELO, J. R.; CARMO, E. M. Investigações sobre o ensino de genética e biologia molecular no ensino médio brasileiro: reflexões sobre as publicações científicas. Ciência & Educação, v. 15, n. 3, Bauru – SP, p.593-611, 2009. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v15n3/09.pdf >.

MORAES, S. R.; HAIDUK, A.; CHARAVARA, F.; BAZIUK, L. G. S.; SLOBODA, J.; MAIA, P.; ROCHA, J. R. C. Vídeos e músicas utilizados como instrumentos motivadores no processo ensino-aprendizagem. HOLOS, a.31, v.2, Natal – RN, p.286-300, 2015. Disponível em: < http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/article/view/2497 >.

OLIVEIRA, A. D. A.; PILATTI, L. A.; FRANCISCO, A. C.; ROCHA, D. C. Interação entre música e tecnologia para o ensino de biologia: uma experiência utilizando a web-rádio. Revista Ensaio, v.13, n.3, Belo Horizonte – MG, p.231-241, 2011. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/epec/v13n3/1983-2117-epec-13-03-00231.pdf >.

SANTOS, R. S. Adquirindo a língua materna: Regras opcionais e regras obrigatórias. Veredas – Revista de Estudos Linguísticos, v. especial, Juiz de Fora – MG, p.55-66, 2012. Disponível em: < http://www.ufjf.br/revistaveredas/edicoes/2012-2/edicao-especial-2012/ >.

SASSERON, L. H. Alfabetização científica, ensino por investigação e argumentação: relações entre ciências da natureza e escola. Revista Ensaio, v.17, n.especial, Belo Horizonte – MG, p.49-67, 2015. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/epec/v17nspe/1983-2117-epec-17-0s-00049.pdf >.

SILVA, D. K. A música na escola e seu papel pedagógico na educação infantil. Revista Eventos Pedagógicos, v.7, n.2, Sinop – MS, p.359-370, 2016. Disponível em: < http://sinop.unemat.br/projetos/revista/index.php/eventos/article/view/2234 >.

TEIXEIRA, E.; FERRAZ, S. Música como ação. Revista Vórtex, v.5, n.1, Curitiba – PR, p.1-12, 2017. Disponível em: < http://periodicos.unespar.edu.br/index.php/vortex/article/view/1858/1153 >.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv4n1-017

Apontamentos

  • Não há apontamentos.