Levantamento de aspectos e impactos ambientais aplicado aos ecossistemas de ilhas e oceânicos / Survey of environmental aspects and impacts applied to island and ocean ecosystems

Tális Pereira Matias, Talita Vieira Maywald Prata, Adriana Maria Imperador

Resumo


O crescimento populacional vinculado aos padrões insustentáveis de consumo causa diversos impactos aos ecossistemas, especialmente em zonas que apresentam maiores fragilidades ambientais, como as regiões costeiras e os ecossistemas de ilhas, que comumente são mais vulneráveis do que os ecossistemas continentais. Através da realização de um levantamento de aspectos e impactos ambientais (LAIA) podem-se obter informações para lidar com problemática ambiental e investir em técnicas de gestão e planejamento ambiental. Este trabalho foi realizado no norte da ilha de Florianópolis, durante 30 dias de análise, sendo 15 dias em alta temporada e 15 dias em baixa temporada, no ano de 2016. Os resultados são derivados desse trabalho de campo e também de uma revisão da literatura, e indicam intensa pressão antrópica na localidade estudada e danos aos ecossistemas costeiros, principalmente em função do esgoto e da disposição inadequada de resíduos sólidos.


Palavras-chave


Impactos ambientais; Poluição; Ecossistemas de ilhas.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (PNRS). LEI Nº 12.305, DE 2 DE AGOSTO DE 2010. Disponível em: Acesso: 02/04/2016.

CÓZAR. A.; ECHEVARRIA. F.; GONZÁLEZ-GORDILLO. J. I.; IRIGOIEN. X.; ÚBEDA. B.; HERNÁNDEZ-LEÓN. S.; PALMA. A. T.; NAVARRO. S.; GARCÍA-DE-LOMAS. J.; RUIZ. A.; FERNÁNDEZ-DE-PUELLES. M. L.; DUARTE. C. M.Plastic debris in the open ocean. July 15, vol. 111 no. 28. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America.PNAS. 2014.

CRUZ, F. P. DA; ARAÚJO, W. E. L. AVALIAÇÃO DOS ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS NO SETOR DE ABATE DE UM FRIGORÍFERO EM CACHOEIRA ALTA- GO. REVISTA ONLINE UniRV, v. 1, p. 28–40, 2015.

ELLER, J. R.; SANTOS, L.; NASCIMENTO, R. S. Analise Ambiental Do Manguezal Do Rio Tavares.Florianópolis. 2013. Disponível em: http://observatoriogeograficoamericalatina.org.mx/egal14/Procesosambientales/Impactoambiental/03.pdf Acesso: 10/10/2016

FREIRE, L. C. M. E.; LOPES, V. DA S. S. M.; SÁ, M. G. S. ABORDAGEM SOCIOECONÔMICA E ECOLÓGICO-CULTURAL DA ILHA DO PRÍNCIPE / SÃO GOMES, L. P. et al. Avaliação ambiental de aterros sanitários de resíduos sólidos urbanos precedidos ou não por unidades de compostagem. Engenharia Sanitaria e Ambiental, v. 20, p. 449–462, 2015.

JAMBECK. J. R.; GEYER. R.; WILCOX. C.; SIEGLER. T. R.; PARRYMAN. M.; ANDRADY. A.; NARAYAN. R.; LAW. K. L. Plastic waste inputs from land into the ocean.Science 13 Feb Vol. 347, Issue 6223, pp. 768-771. DOI: 10.1126/science.1260352. 2015.

MAZZER. A. M. Proposta Metodológica para Análise de Vulnerabilidade da Orla Marítima à erosão Costeira: Aplicação em praias arenosas da costa sudeste da Ilha de Santa Catarina (Florianópolis – Santa Catarina – Brasil).Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Instituto de Geociências. Programa de Pós-Graduação em Geociências. Porto Alegre. 2007. Disponível em: http://www.ufrgs.br/igeo/pesquisas/3601/10-3601.pdf Acesso 15/11/2016.

ORMEDILLA, A. C.; PEREIRA, T. B.; MONTEIRO, M. Z. Analysis of antropogenic waste found in the digestive tract of green turtles ( Chelonia mydas ). BioScience, v. 3, p. 83–89, 2014.

PMF. PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS. 2016. Disponível em: http://www.pmf.sc.gov.br Acesso: 11/05/2016.

SBERT-MATEU, J. M.; CABELLO-RICCI, I.; OLIVES-VILLALONGA, E.; IRIGOYEN-CABEZA, E. The impact of tourism on municipal solid waste generation: The case of Menorca Island (Spain). Waste Management, V.33, P. 2589-2593, 2013.

SERAFINI, T. Z; FRANÇA,G. B; FILHO, J. M. A. Brazilian oceanic islands: known biodiversity and its relation to the history of human use and occupation.Journal of Integrated Coastal Zone Management. 2010.

SILVEIRA, I. C. A., SCHMIDT, A. C. K., CAMPOS, E. J. D., GODOI, S. S., IKEDA, Y. A corrente do Brasil ao Largo da Costa Leste Brasileira.Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (Caixa Postal 66149, 05315-970 São Paulo, SP, Brasil). Rev. bras. oceanogr.. 48(2):171-183. 2000.

TOMAZELA D. P. Monitoramento Espacial e Temporal de Parâmetros Físicos, Químicos, e Biológicos da Bacia Hidrográfica do Rio Capivari. (Norte da Ilha de Santa Catarina).Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Instituto de Ciências Biológicas. Florianópolis. 2008. Disponível em: http://www.limnos.ufsc.br/assets/docs/TCC-DANILO.pdf Acesso: 12/10/2016.

TOMÉ E PRÍNCIPE : desafios à gestão ambiental local. Revista de Geografia e Interdisciplinaridade, v. 2, p. 269–290, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.