A concentração de leitos nos municípios do Brasil pode estar associada a pressões de uso no sistema hospitalar do país? / The concentration of beds in the municipalities of Brazil may be associated with pressures of use in the hospital system of the country?

Julyan Gleyvison Machado Gouveia Lins

Resumo


O objetivo deste trabalho é verificar se a concentração de leitos nos municípios do Brasil está associada a pressões de uso do sistema hospitalar, ou seja, à maiores taxas de internações, como sugere uma importante relação na área de saúde pública denominada de Lei de Roemer. Metodologicamente, o trabalho utiliza regressões quantílicas de modo a verificar a força da correlação da taxa de leitos ofertados com os diferentes quantis da distribuição de internações. Os resultados encontrados fornecem evidências que, de fato, a maior oferta de leitos está associada com maiores pressões de uso do sistema hospitalar, o que pode resultar em um sério problema na desigualdade de acesso a esses serviços por parte da população do país.

 


Palavras-chave


Brasil, Saúde Pública, Regressão Quantílica.

Texto completo:

PDF

Referências


BERTRAND, D. “Lexique socio-economique utilise en santé publique”. UFR Lariboisière-St Louis Département de Santé Publique, 1991.

GINSBURG, P. B.; KORETZ, D. M. “Bed availability and hospital utilization: estimates of the “Roemer effect””. Health care financing review, v. 5, n. 1, p. 87, 1983.

HARRIS, D. M. “An elaboration of the relationship between general hospital bed supply and general hospital utilization”. Journal of health and social behavior, p. 163-172, 1975.

KOENKER, R.; BASSETT, G. “Regression quantiles”. Econometrica 46 33–50. Mathematical Reviews (MathSciNet): MR474644 Digital Object Identifier: doi, v. 10, p. 1913643, 1978.

KRONEMAN, M.; SIEGERS, J. J. “The effect of hospital bed reduction on the use of beds: a comparative study of 10 European countries”. Social science & medicine, v. 59, n. 8, p. 1731-1740, 2004.

PASLEY, B. H.; LAGOE, Ronald J.; MARSHALL, Norman O. “Excess acute care bed capacity and its causes: the experience of New York State”. Health Services Research, v. 30, n. 1 Pt 1, p. 115, 1995.

ROCHA, J. S. Y. “Utilização de leitos hospitalares gerais em Ribeirão Preto, São Paulo (Brasil)”. Revista de Saúde Pública, v. 9, n. 4, p. 477-493, 1975.

SHWARTZ, M. et al. “Bringing Responsibility for Small Area Variations in Hospitalization Rates Back to the Hospital: The Propensity to Hospitalize Index and a Test of the Roemer's Law”. Medical care, v. 49, n. 12, p. 1062-1067, 2011.

WENNBERG, J. E. “Variation in use of medicare services among regions and selected academic medical centers: is more better?”. New York: Commonwealth Fund, 2005.

ZERAATI, H. et al. “Required hospital beds estimation: a simulation study”. Journal of Applied Sciences, v. 5, p. 1189-1191, 2005.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv3n4-002

Apontamentos

  • Não há apontamentos.